Definição da mídia

Publicação: 21/08/18
Os planos de mídia e a oficialização dos tempos do horário eleitoral gratuito dos candidatos serão apresentados amanhã, durante reunião do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), com representantes de partidos, coligações e do Ministério Público. Também estarão no encontro profissionais de rádio e emissoras de televisão. Na ocasião, serão definidos pontos como a emissora que ficará responsável por fazer a geração dos programas e a ordem de veiculação.

Ibope no Nordeste

Em um cenário sem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na disputa pela Presidência, os candidatos Marina Silva (Rede), Jair Bolsonaro (PSL) e Ciro Gomes (PDT) empatam tecnicamente na preferência do eleitorado do Nordeste, mostra pesquisa Ibope/Estadão/TV Globo divulgada nesta segunda-feira, 20. Nas demais regiões do País, o candidato do PSL lidera o cenário de forma isolada.

Percentuais no NE
No Nordeste, 17% declaram votar em Marina Silva, no cenário sem Lula, segundo o Ibope. Entre os eleitores, 14% dizem ter preferência por Ciro Gomes e 13% declaram voto em Bolsonaro. Considerando a margem de erro da pesquisa, de dois pontos porcentuais, os três presidenciáveis estão tecnicamente empatados na região. Fernando Haddad, candidato a vice e possível substituto de Lula na eleição, tem 5% das intenções de voto no Nordeste. O ex-presidente por sua vez, quando é apresentado como candidato, registra 60% da preferência do eleitorado na região. Geraldo Alckmin (PSDB) tem 4% das declarações de voto no cenário sem Lula. O Ibope ouviu 2.002 pessoas em 142 municípios de 17 a 19 de agosto. A margem de erro é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos.

Ranking da ineficiência
O Rio Grande do Norte é o quarto estado mais ineficiente do país, segundo o Ranking dos Estados - publicado pelo jornal Folha de S. Paulo, em parceria com o  Datafolha. A ferramenta avalia quais os estados entregam serviços mais eficiente de educação, saúde, infraestrutura e segurança à população usando o menor volume de recursos financeiros. O objetivo do ranking é quantificar o cumprimento, pelos governos estaduais, de funções básicas previstas em lei, segundo os recursos finandeiros. Dos 26 estados da federação, o RN ficou com o índice em 0,259, ocupando o 23º lugar do ranking, na frente somente do Acre, Pará e Amapá. O primeiro lugar ficou com Santa Catarina, com 0,635.

Variáveis avaliadas
A elaboração do ranking dos estados considerou 17 variáveis agrupáveis. De acordo com o estudo, o Rio Grande do Norte ficou abaixo da média nacional em cinco, dos seis componentes. A única nota acima da média foi no componente infraestrutura, que avaliou o atendimento de água, esgoto e as condições técnicas das rodovias.

Apoio dos prefeitos (1)
A campanha pela reeleição do senador Garibaldi Filho (MDB/RN), da coligação 100%RN, recebeu o apoio de prefeitos do PSDB/RN, nesta segunda-feira (20). O apoio foi oficializado em reunião na sede do diretório do MDB, em Natal, com presença de lideranças de diversas regiões do estado. Para o senador Garibaldi Filho, o apoio maciço à sua candidatura, que conta com mais de 100 prefeitos do Rio Grande do Norte, evidencia a continuidade de mandato como “uma causa justa e legítima”.

Apoio dos prefeitos (2)
Estiveram presentes na reunião que confirmou o apoio à reeleição do senador Garibaldi Filho os seguintes prefeitos do PSDB: Sueleide Araújo (Tenente Laurentino), Sérgio Fernandes (Serra Negra), Clécio Azevedo (Bom Jesus), Miguel Cabral (São Pedro do Potengi), Neto Mafra (Barcelona) e os vice-prefeitos; Flávio Teixeira (Touros) e Rodrigo Aladin (Macau), além das lideranças do partido em Canguaretama: Targino e Renato Tavares, de Serra de São Bento, Chico de Erasmo e de Nova Cruz, Flávio Azevedo.

Desaprovação em alta
Os principais candidatos à Presidência começam oficialmente a campanha eleitoral desaprovados pela maioria da população, segundo a pesquisa Barômetro Político Estadão-Ipsos, que analisa a opinião dos brasileiros sobre “personalidades do mundo político e jurídico”. Entre os concorrentes ao Planalto, os ocupantes do topo do ranking da desaprovação são Geraldo Alckmin, do PSDB, e Ciro Gomes, do PDT. O desempenho do tucano é desaprovado por 70%, e do pedetista, por 65%. A margem de erro da pesquisa é de três pontos porcentuais para mais ou para menos.

Rejeição dos presidenciáveis
Na pesquisa Ipsos também mostrou que têm desaprovação elevada, empatados tecnicamente, Jair Bolsonaro, (PSL, com 61% de desaprovação), Marina Silva (Rede, 61%), Henrique Meirelles (MDB, 60%) e Fernando Haddad (PT, 59%). Apesar de o Ipsos incluir o nome de possíveis concorrentes ao Planalto em sua pesquisa, o instituto não procura medir intenção de voto.





Ideias e propostas

Publicação: 19/08/18
O Sistema Fiern vai realizar de 20 a 22 (segunda, terça e quarta-feira desta semana), na Casa da Indústria, o “Fórum Caminhos do RN”. Neste dois dias, os candidatos a governador poderão apresentar as ideias e os planos para o Estado. O evento terá a mesma metodologia do “Fórum Caminhos do Brasil”, que recebeu os candidatos à Presidência da República. No dia 20, participarão os candidatos Fátima Bezerra (PT) e Breno Queiroga (Solidariedade). No dia 21, será a vez de Robinson Faria (PSD), Dário Barbosa (PSTU), e Carlos Alberto (PSOL). E, por último (22), o Fórum recebe os candidatos Heró Bezerra, Freitas Júnior (Rede Sustentabilidade) e Carlos Eduardo (PDT).

Propostas dos candidatos


Os candidatos poderão, assim como os presidenciáveis, apresentar, aos industriais e convidados,  os planos que pretendem executar se chegarem ao governo. Veja, abaixo o cronograma das sabatinas.

20/08/2018
Fátima Bezerra – 10 horas
Breno Queiroga – 15 horas

21/08/2018
Dário Barbosa – 8 horas
Carlos Alberto – 10 horas
Robinson Faria – 15 horas

22/08/2018
Heró Bezerra – 8 horas
Freitas Júnior – 10 horas
Carlos Eduardo – 15 horas

Maiores preocupações


Na pesquisa Ibope/InterTV, um das sondagens foi sobre a área na qual a população tem enfrentado os maiores problemas. A maioria apontou saúde (89%), segurança pública (80%) e educação (55%). Mas uma parcela expressiva também respondeu “Geração de empregos” (23%).

Veja os números abaixo:

Saúde     89%
Segurança Pública     80%
Educação     55%
Geração de empregos     23%
Corrupção     19%
Drogas     8%
Meio ambiente     2%
Estradas/ Rodovias     2%
Água e Esgoto     2%
Turismo     1%
Lazer e cultura     1%
Habitação/ Moradia     1%
Energia Elétrica     1%
Agricultura     1%
Transporte/ Mobilidade     1%
Funcionalismo Público     1%
Assistência Social     1%
Impostos e Taxas     1%
Nenhuma destas     0%
Não sabe/ Não respondeu     1%

Preferência dos eleitores

A Confederação Nacional do Transporte (CNT) informou que divulgará na segunda-feira, dia 20, mais uma pesquisa de opinião sobre as eleições de 2018 e sobre o governo do presidente Michel Temer. Os dados serão publicados às 11 horas no site www.cnt.org.br e nas redes sociais da entidade. A 137ª Pesquisa CNT de Opinião (MDA) trará as preferências eleitorais dos entrevistados em cenários de primeiro e segundo turnos de votação, o limite de voto dos candidatos e a avaliação do governo federal.

Recomendação do MP

O Ministério Público Federal (MPF) emitiu quase 200 recomendações com o objetivo de reforçar a comunicação de diversos órgãos públicos e empresas com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), a fim de evitar o uso ilícito do nome de pessoas mortas para recebimento de benefícios previdenciários, no Rio Grande do Norte. Entre os destinatários, estão as prefeituras potiguares, a Secretaria Estadual de Saúde, bem como cemitérios particulares e vários hospitais.

Pressão de adversários

Pressionado por adversários no segundo debate entre os candidatos à Presidência da República, promovido na noite de sextga-feira (17) pela Rede TV!, o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, hesitou ao ser confrontado em temas sensíveis à sua candidatura. Bolsonaro teve dificuldades de responder uma questão sobre a dívida pública e foi acusado pela candidata da Rede, Marina Silva, de fazer "vista grossa" à discriminação que sofrem as mulheres. Diferentemente do primeiro encontro entre os presidenciáveis, o assunto ética na política foi frequente e o PT, sem representantes no encontro, alvo de ataques.

Pressa no julgamento


A Procuradoria Geral da República entrou com novo pedido para que o prazo de manifestação da defesa de Lula seja adiantado, em uma tentativa de acelerar o processo de julgamento do registro da candidatura petista. Em tese, é necessário que se encerre o prazo para as impugnações, o que, no caso de Lula, ocorrerá em 22 de agosto, para que comece a contar o prazo de sete dias da defesa.



Patrimônio dos candidatos

Publicação: 18/08/18
O quinze candidatos ao Senado, no Rio Grande do Norte, declararam um patrimônio de R$ 37  milhões, na informação de bens que apresentaram ao Tribunal Regional Eleitoral. O ex-governador Geraldo Melo (PSDB) é o candidato a senador que informou um patrimônio mais expressivo, somando 29,2 milhões. Em segundo lugar, nesta lista, ficou o candidato a senador do Podemos, deputado federal Antônio Jácome, com R$ 2,6 milhões e, em seguida, o candidato Alexandre Motta (PT), com R$ 2.355.133,88. Na declaração de patrimônio, Zenaide Maia (PHS) informou ter bens que somam R$ 2 milhões, Jurandir Marinho (PRTB), R$ 1.1 milhão e Garibaldi Filho (MDB), R$ 1.1 milhão.

Custo da eleição
O orçamento do Tribunal Regional Eleitoral para custeio do  primeiro turno é de R$ 7.2 milhões. Para o segundo turno, o TRE reservou R$ 2 milhões. O custo estimado com pessoal ficou em R$ 5.766.311,00.

Denúncia do MP
O Ministério Público do Rio Grande do Norte denunciou à Justiça o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) pela suposta prática de estelionato contra a Fazenda Pública e falsidade ideológica. A  Procuradoria Geral da Justiça (PGJ) acusa o parlamentar de ter inserido entre 24 de julho de 2007 e 16 de março de 2016, informações falsas em documentação sobre a frequência de uma servidora "fantasma" da Assembleia Legislativa.  A reportagem da TRIBUNA DO NORTE procurou o deputado e a assessoria dele informou que ele não vai se pronunciar.

Mobilização eleitoral
As eleições de 2018 no Rio Grande do Norte terão a participação de 34.511 pessoas, segundo o TRE. Desse total, só de mesários e supervisores são 33.581 pessoas atuando no dia da votação – 7 de outubro. Outros 552 servidores da Justiça Eleitoral vão trabalhar no pleito, além de 125 estagiários e 253 terceirizados auxiliares de eleições.

Locais de votação
O TRE-RN informa que, no Estado, serão instaladas 7.791 seções eleitorais e 401 agregações de seções distribuídas nas 69 Zonas Eleitorais, abrangendo os 167 municípios. Para atender a demanda do eleitorado potiguar, que é de 2.373.619 eleitores, serão utilizadas 7.390 urnas eletrônicas, além das urnas de contingência (587) e as de reserva (1263).

Auxílio-moradia
Relator das ações que tratam do pagamento de auxílio-moradia no Judiciário, o ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou ao jornal O Estado de S. Paulo que pretende liberar o tema para julgamento "em breve". As ações aguardam há dois meses um encaminhamento depois de a Advocacia-Geral da União (AGU) ter informado que não chegou a um acordo na conciliação aberta por determinação do próprio relator.

Definição
O julgamento das ações do auxílio-moradia estava marcado para o dia 23 de março, mas foi suspenso na véspera porque o ministro Luiz Fux resolveu atender a um pedido da Associação dos Magistrados Brasileiros e enviar o caso para a conciliação. Naquele momento, havia a expectativa de que a maioria dos ministros pusesse fim ou limitasse o pagamento de R$ 4,3 mil mensais que tem sido garantido a magistrados, promotores e procuradores, mesmo para quem já mora em um imóvel próprio.

Direitos em discussão
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, destacou que a Constituição Federal "não prevê direitos em excesso", ao falar sobre a interferência das decisões judiciais na economia e a grande demanda da sociedade que chega ao judiciário em tempos de crise. A ministra reconheceu que decisões judiciais podem gerar insegurança jurídica, mas ressaltou que "há um enorme esforço" de magistrados para considerar os dados da economia.






Candidatos no Fórum

Publicação: 17/08/18
O Sistema FIERN vai realizar, entre os dias 20 e 22 (segunda, terça e quarta-feira da próxima semana), na Casa da Indústria, o “Fórum Caminhos do RN”, no qual os candidatos ao Governo do Estado deverão apresentar ideias e planos de gestão. O evento segue a mesma metodologia do “Fórum Caminhos do Brasil”, que recebeu candidatos à Presidência da República.  No dia 20, participarão os candidatos Fátima Bezerra (PT) e Breno Queiroga (Solidariedade). No dia 21, será a vez de Robinson Faria (PSD), Dário Barbosa (PSTU) e Carlos Alberto (PSOL). E, por último (dia 22), o Fórum recebe os candidatos Freitas Júnior (Rede Sustentabilidade) e Carlos Eduardo (PDT).

Maiores medos
Em uma pesquisa na qual os entrevistados foram perguntadas “sobre quais os maiores medos em relação ao futuro”, 27% responderam  “aumento da violência e insegurança”. O segundo maior temor registrado pelos pesquisados foi que “o país não saia da crise e a economia piore” (20,7%). As demais respostas foram: “Ficar desempregado e não achar emprego” (19,8%), “ficar doente e não ter assistência médica” (17,5%), “os corruptos ficarem impunes e aumentar a corrupção” (17,5%), “inflação e elevação de impostos” (6,5%), “falta de educação e de investimento nas escolas” (5,7%), “acabar com a Previdência e corte da aposentadoria” (3,2%), “ficar endividado e não conseguir pagar as contas no final do mês” (3%), “perder as coisas que conquistou nesses anos” (2,2%), “outras citações” (10,1%),  não sabe (7%) e nenhum (4%). A pesquisa foi feita pelo Instituto Paraná Pesquisas, que ouviu 2.002 eleitores em 168 municípios de 26 Estados e no Distrito Federal, entre os dias 9 e 13 de agosto. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Propaganda em discussão
O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), fará reunião com representantes de partidos, coligações, representantes do Ministério Público e profissionais de rádio e emissoras de televisão para tratar do plano de mídia e demais assuntos referentes à propaganda eleitoral. A reunião será realizado nos dias 21 e 22 de agosto, a partir das 9h, na sede do TRE-RN.

Início de conversa 
O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso inaugurou uma conta no TwiTter, aos 87 anos, e postou as primeiras mensagens nesta quinta-feira. “Olá. A partir de agora, estou no Twitter. Vamos conversar. Para início de conversa, deixo claro: meu candidato é o Alckmin e vamos ganhar”, avisou.

Intenção de votos
O senador Romário (Podemos) lidera a corrida pelo governo do Rio de Janeiro, com 25% das intenções de voto, segundo a pequisa Big-Data/Record. Em segundo lugar, está o ex-prefeito Eduardo Paes (DEM), 19%. Em seguida, ficaram Anthony Garotinho (PRP), com 14%, e Índio da Costa (PSD), com 6%. Na disputa pelo Senado, Flávio Bolsonaro (PSL) está em primeiro, com 24%; seguido por Cesar Maia (DEM), com 15%. Chico Alencar (PSOL)  e Lindbergh Faria (PT) empatam com 14%. A pesquisa ouviu 2.000 eleitores, entre os dias 10 e 12 de agosto, e está registrada com o número RJ-02317/2018.

Perplexidade na despedida
“As lágrima rolando no rosto adolescente dos colegas de escola, o choro incontido dos pais, o engasgo visível na fala de homens e mulheres de todas as idades; a revolta, a indignação e a sensação de impotência que afloravam no velório davam a dimensão da tragédia que teve como vítima o estudante Luís Benes Leocádio Júnior”. Assim o jornalista Vicente Neto descreveu a perplexidade que todos mostraram, durante o velório, no  Cemitério Morada da Paz. “A cena do pai, aos prantos, segurando o retrato do filho sentado na cadeira da presidência da Federação dos Municípios era de cortar coração”, acrescentou o jornalista.

Solidariedade
Alunos e professores se reuniram no ginásio de esportes do IFRN em uma corrente de orações, em homenagem  a Luís Benes Leocádio Júnior.  Ao longo do dia dia, dezenas de prefeitos, ex-prefeitos, parlamentares, autoridades e candidatos passaram pelo Morada da Paz para prestar solidariedade à família. No início da noite de ontem, o corpo foi levado para Lajes, onde será sepultado na manhã desta sexta-feira.

Punição
Ao acatar o posicionamento da Procuradoria-Geral da República, os ministros da Primeira Turma do Supremo decidiram manter a decisão do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), que resultou na pena de demissão combinada com disponibilidade compulsória ao promotor de Justiça do Ceará Joathan de Castro Machado. Ele foi condenado por "aceitação de promessa de pagamento de vantagem indevida em razão de suas funções e prática de atos de ofício infringindo dever funcional". Por unanimidade, o ministros rejeitaram o mandado de segurança.




Campanha liberada

Publicação: 16/08/18
O período de campanha eleitoral deste ano começa, oficialmente, nesta quinta-feira. Os partidos e coligações não preparam, inicialmente, grandes movimentações de rua. Mas, a partir de hoje, estão permitidos comícios, carreatas, distribuição de material gráfico, como adesivos, cartazes, folders, santinhos, faixas e bandeiras, além da campanha por carros de som. Os partidos e coligações poderão funcionar das 08 às 22h, realizando movimentações e fazendo uso de alto-falantes ou amplificadores de som, nas suas sedes ou em veículos. Estão autorizadas, até o dia 06 de outubro, véspera do primeiro turno, a distribuição de material gráfico (este material deve conter CNPJ ou CPF do responsável pela confecção, quem a contratou e a tiragem), a realização de caminhadas, carreatas ou passeatas e a divulgação de jingles ou mensagens dos candidatos através de automóveis.

Reivindicações do trade
O prefeito Álvaro Dias se reuniu com representantes do Trade Turístico potiguar e determinou uma série de providências para atender aos pedidos feitos pelo empresariado. Na pauta do encontro, solicitações por ampliação da fiscalização contra comércio irregular na orla de Natal, publicidade ilegal, além da realização de melhorias na iluminação e limpeza. O prefeito visitará áreas apontadas como críticas ao lado dos empresários.

Pedido de proteção
A Procuradoria-Geral de Justiça recebeu três vereadores de Caicó, que buscaram o órgão para pedir proteção. Zaqueu Fernandes Gomes, Rosângela Maria da Silva e Frankslâneo Diogo da Silva fizeram a solicitação diretamente ao procurador-geral de Justiça, Eudo Rodrigues Leite, e a medida foi concedida. A partir de agora, será disponibilizada escolta armada para garantir a segurança dos vereadores. O Gabinete de Segurança Institucional (GSI) do MPRN está tomando as providências para tal segurança.

Licença e substituição
A vereadora Nina Souza PDT) apresentou o pedido de licenciamento do mandato, por 45 dias, período no qual pretende se dedicar à campanha para deputado estadual. Em seu lugar, assume o suplente Sérgio Pinheiro já a partir desta sexta-feira (17).

Nas ruas
Nesta quinta-feira (16), o PSTU dará início à campanha do professor Dário Barbosacom o slogan "Um chamado à Rebelião". A partir das 16 horas, Dário fará uma panfletagem no calçadão da Rua João Pessoa.

Defesa da informação
Mais de 200 jornais norte-americanos estão unidos em um protesto contra os constantes ataques do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, à imprensa. Em ação coordenada pelo diário “The Boston Globe”, cada um dos veículos publicará, nesta quinta-feira (16), um editorial próprio alertando sobre os perigos que a guerra promovida por Trump à mídia representa à liberdade de expressão e à  democracia.   “Não somos inimigos do povo”, afirmou Marjorie Pritchard, sub-editora-chefe do The Boston Globe, rechaçando uma acusação feita várias vezes por Trump. Os editoriais, diz ela, deverão qualificar os ataques do mandatário norte-americano com “uma guerra suja contra a liberdade de imprensa”.

Patrimônio dos presidenciáveis
Os candidatos à Presidência da República neste ano declararam à Justiça Eleitoral valor recorde em patrimônio: R$ 833 milhões, somados os bens dos 13 concorrentes à sucessão do presidente Michel Temer. Na última eleição presidencial, a soma dos bens informados pelos 11 candidatos era de R$ 11 milhões.

Restrição às doações
Esta é a primeira eleição geral na qual os candidatos estão proibidos de arrecadar dinheiro de empresas para custear as campanhas. Só pessoas físicas podem realizar doações. No entanto, os próprios candidatos foram autorizados a bancar a totalidade de seus gastos, por meio do chamado autofinanciamento, até o limite para cada cargo em disputa. No caso de presidente, o teto é de R$ 70 milhões no primeiro turno, e de R$ 35 milhões no segundo. Na campanha de governador do Rio Grande do Norte, o teto é de R$ 5,5 milhões.

Depoimento do candidato
O candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, prestou depoimento, nesta quarta-feira, por quase duas horas no Ministério Público de São Paulo e negou ter recebido recursos ilícitos da Odebrecht em suas campanhas a governador em 2010 e 2014. Os pagamentos no valor de R$ 10,3 milhões foram citados por três delatores da empreiteira no acordo de colaboração .

Quinze anos
A Assembleia Legislativa fará nesta quinta-feira uma sessão em referência aos 15 anos da Defensoria Pública do RN. A iniciativa é do deputado estadual Hermano Moraes (MDB).