Gente, rezem em casa

Publicação: 21/03/20
Alex Medeiros
alexmedeiros1959@gmail.com

No evangelho do apóstolo João, no capítulo 2, a narrativa do episódio em que Jesus expulsa mercadores de um templo, combatendo o uso comercial da fé, há um trecho em que o fundador do cristianismo diz para um grupo de judeus que se aquela igreja for derrubada ele é capaz de reergue-la em apenas três dias.
Eis o trecho:

"Replicaram os judeus: Em quarenta e seis anos foi construído este templo, e tu afirmas que em três dias o levantarás?" Ele, porém, se referia ao templo do seu corpo".

Esta passagem foi um divisor de águas entre os Velho e Novo testamentos, e determinante para uma mudança na forma de entendimento da importância dos templos e igrejas, com Jesus elevando o corpo e o espírito das pessoas à condição de interação direta com o deus que ele chamava de seu pai. Sua morte e ressurreição foram a ratificação da parábula no templo.

No momento em que o Brasil começa a enfrentar a ameaça terrível do Covid-19, exposto aos estágios avassaladores que já vitimaram países como a China, Itália, Coréia do Sul, França e Espanha, algumas religiões e seitas teimam em querer manter missas e cultos, num perigoso ato contra os protocolos sanitários de combate à praga.

Em São Paulo, num primeiro momento, o governador João Dória e o prefeito Bruno Covas erraram feio ao não estender às igrejas e templos as proibições já feitas ao comércio. Depois sugeriram um mínimo de vinte pessoas nos locais.

É preciso ser mais realista e racional, entender que a cura do coronavírus não virá do céu, mas da ciência, das ações sanitárias e médicas. Não podem e nem devem ter aglomerações, de qualquer natureza. Só há um lugar onde todos devem estar: em casa.

Parabenizo aqui a decisão da Arquidiocese de Natal que cancelou as missas e também as procissões de culto à Páscoa. Parabenizo algumas igrejas evangélicas que tiveram a mesma iniciativa quanto aos seus cultos. E refuto as lideranças religiosas que insistem nos ritos, desconhecendo o risco à vida dos fiéis.

Que os demais governadores e prefeitos do País não contemporizem tanto como seus homólogos paulistas. E que os chefes religiosos tenham bom senso, que relativizem seus dogmas e reflitam sobre o quadro aterrador que ainda está por vir. Levem mais a sério suas próprias crenças; afinal, todos vocês acreditam que seu deus é onipresente. Ou não?

Portanto, ninguém precisa de contato presencial. Como mostrou o próprio Jesus.


Toque de recolher
Duas grandes metrópoles estão com polícias e exércitos nas ruas para evitar pessoas nas ruas sem necessidade. Nova York e Buenos Aires estão praticamente vazias, todos entenderam a urgência de permanecer em casa.

Quarentena
Há duas profissionais, que atuam na área do direito, que estiveram de férias na Europa e retornaram a Natal com os sintomas do coronavírus. Foram ao médico e decidiram por conta própria se isolarem. Mas não estão catalogadas.

Aglomeração
É urgente que façamos comparações gráficas com os estágios ocorridos na Itália, porque estamos quase um mês atrás. E é preciso que o protocolo sanitário radicalize quanto às aglomerações, proibindo grupos acima de dez.

Em Recife
Na quinta-feira, policiais e agentes de direitos do consumidor sequestraram máscaras descartáveis numa loja de material hospitalar em Boa Viagem. A ação, ordenada pelo governador Paulo Câmara, foi pra reforçar a rede pública.

Hospitais
Na quarta-feira, o governador pernambucano anunciou a reativação de dois hospitais particulares que estavam fechados, possibilitando a abertura de mais 400 leitos de UTI e 600 leitos de retaguarda, contemplando todo o estado.

Números
Ontem, o número de mortos no mundo pelo coronavírus atingiu a marca de 10 mil pessoas. É um índice menor que outras doenças, mas que se torna maior pelo estrago na economia mundial. O suicídio mata por ano 800 mil humanos.

Mercado
As bolsas de valores abriram a sexta-feira em alta por todos os continentes. A Bovespa registrou subida de mais de 4 pontos pela manhã. Tudo provocado pelo anúncio de vacinas nos EUA e Inglaterra e queda no preço do petróleo.

Comércio
As principais empresas do comércio natalense adotam medidas de apoio ao controle da praga. O Natal Shopping, Midway Mall e Partage Norte amanheceram fechados, e a rede Nordestão criou serviço de entrega em casa.

Prisão
Um caso pitoresco na Itália. Um homem de 31 anos foi preso porque estava nas ruas com o celular na mão caçando os monstrinhos do game Pokemon Go. Ele circulava em meio ao movimento dos militares transportando mortos.

Trilha sonora
Conhecido atualmente muito mais por militância política do que como músico, o cantor Bono Vox, da banda U2, acaba de compor uma canção em homenagem aos que trabalham na Itália e na Irlanda para conter o contágio do Covid-19.