Natal
40% das cidades potiguares estão em rodízio de água
Publicado: 11:00:00 - 21/10/2021 Atualizado: 11:10:46 - 21/10/2021
A Companhia de Águas e Esgotos (Caern) informou que mantém diálogo constante com entidades representativas da área para contornar transtornos na rede e garantir o abastecimento de água diante da situação de estiagem. Em entendimento alinhado ao Igarn e Semarh, o diretor-presidente da Caern, Roberto Linhares, afirma que a instituição adota medidas para controlar a distribuição, por meio de rodízios, até a chegada do próximo período chuvoso no estado, que acontece nos quatro primeiros meses de cada ano.

Alex Régis


“A Caern tem trabalhado para manter o fornecimento de água para todo o Estado. Assim, são adotadas, sempre que necessário, medidas operacionais para prolongar a distribuição de água. Os rodízios, por exemplo, têm este intuito. Além disso, estamos trabalhando para tirar a cidade de Paraná do colapso. Todo o esforço da Caern, com orientação do Governo do Estado, é para manter a população com água na torneira. A Companhia também não tem poupado recursos para tal. Com as medidas devemos chegar até o próximo período chuvoso”, diz.

As cidades de Paraná, no Alto Oeste, e Serra do Mel, no Oeste, operam em situação de colapso total ou parcial, segundo levantamento do órgão. Outros 68 municípios estão sob regime de rodízio de água.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte