Quadrantes
A canção de ninar
Publicado: 00:00:00 - 03/10/2021 Atualizado: 14:59:09 - 02/10/2021
Diogenes da Cunha Lima
Escritor, advogado e presidente da ANL
 
É a primeira e mais terna comunicação, depois do útero, segredo íntimo entre mãe e filho. A canção tem andamento suave, ritmo lento que favorecem o adormecer. A música é feita com harmonia simples para induzir ao sono. A criança sente (e creio incorporar) o afeto da sonoridade, música e letra.

Para mim, não foi assim. A minha mãe ajudava a trabalhar no comércio, cuidava de seis filhos buliçosos e dava atenção à saúde do marido. Assim, atarefada, contratou uma babá para mim e meu irmão Daladier, cujo nome era Lúcia Antero de Oliveira. Ela nos protegia, mas contava histórias de assombração, cantava e nos fazia medo com um boi de cara preta que vinha nos pegar. Desconfiado, eu olhava para as frestas das telhas para conferir a presença do bicho-papão.

Herdamos de Portugal canções infantis, algumas têm mensagens negativas. Lembro “A Canoa virou / deixa ela virar / coitada da (menina) / que não sabe nadar”. Outra, noticia a briga do cravo com a rosa, em que ele sai ferido e ela despedaçada.

Talvez por isso, dediquei-me a fazer canções que refletissem o amor aos meus filhos, netos, sobrinhos e também a filhos de amigos. Foram mais de cinquenta. Tive o privilégio de contar com o talento de parceiros musicais como Oriano de Almeida e Roberto Lima, além dos arranjos geniais de Eduardo Taufic.

O surgimento das canções de ninar é imemorial. Há uma tablita de barro, babilônica, com cerca de 4 mil anos, que registra uma delas. Mas não é amável. A mãe adverte o filho do perigo. O seu choro poderia aborrecer o deus do lar.

As canções de ninar de Chopin, Brahms ou Mozart são maravilhas musicais. A de Chopin é a mais conhecida e sedutora. Brahms comove. Mozart transmite uma energia que conduz o sentimento ao pensar. Outra bela canção é a de Stravinsky, inserida em sua peça para o balé “O Pássaro de Fogo”. O príncipe Ivan liberta treze princesas enfeitiçadas. A canção é tão poderosa que faz adormecer eternamente o rei feiticeiro e seus ogros malignos.

São cantadas e bem conhecidas na Espanha as canciones de cuna (berço), as berceuses na França, e a lullaby nos países de língua inglesa. O Brasil tem maravilhosas invenções e aproveitamento de músicas tradicionais por Villa-Lobos e Waldemar Henrique, entre tantos.
As canções de ninar são cantadas para acalmar os meninos na primeira infância. As letras, geralmente, são positivas, transmitem segurança, esperança de um futuro feliz, além do valor da bondade. Retrata a importância do sonho e a beleza da vida.

A canção de ninar é fundamental à construção de uma família integrada e feliz.

Os artigos publicados com assinatura não traduzem a opinião da TRIBUNA DO NORTE, sendo de responsabilidade total do autor.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte