Política
‘Entre mim e Rogério, só apostem em entendimento’, diz Fábio Faria
Publicado: 00:00:00 - 25/05/2021 Atualizado: 08:25:29 - 25/05/2021
O ministro das Comunicações, Fábio Faria esteve em Natal, nesta segunda-feira (24), lançando pontos de acessos à internet do programa WI Brasil, mas não deixou de falar em política, deixando claro que de sua parte não haverá desavenças dentro do governo em relação a eventuais candidaturas a cargos eletivos no Rio Grande do Norte nas eleições de 2022. “Quem apostar em alguma coisa entre mim e Rogério Marinho (ministro do Desenvolvimento Regional), aposte em resultado, em entendimento”, afirmou Fábio Faria.“Não há outra palavra pra isso”, resumiu o ministro.

Marcello Casal JrAgência Brasil
Em breve discurso, o ministro potiguar Fábio Faria destacou que não há desavenças no governo

Em breve discurso, o ministro potiguar Fábio Faria destacou que não há desavenças no governo


O potiguar que ocupa o Ministério das Comunicações também falou sobre seu trabalho e sobre como presta assistência a políticos do Rio Grande do Norte  que precisam de apoio em Brasília. 

“Sou apenas mais um ministro na Esplanada, com poucos recursos, um dos menores do orçamento, mas o que puder ajudar com meus outros amigos ministros para socorrer as cidades que têm necessidade, deputados estaduais e  federais que falam em nome dos prefeitos, podem contar comigo”, afirmou.

Porém, no Estado setores da classe política já vêm manifestando, publicamente, apoio a uma pré-candidatura de Rogério Marinho a senador da República, como foi o caso do presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB), em declarações à TRIBUNA DO NORTE do dia 20 deste mês: “Rogério tem se mostrado grande como ministro e, sendo ele candidato a Senador, tem o meu apoio, por tudo que tem feito pelo Rio Grande do Norte. Ele tem ainda a capacidade de unir grande parte da classe política, o empresariado e pode fazer uma grande pactuação para o desenvolvimento e progresso do Estado”.

Durante a sua breve fala, nesta segunda-feira, Fábio Faria destacou, ainda, que o governo federal “não tem escândalos, dois anos e quatro meses sem escândalos, tem o melhor ministro da Infraestrutura da história, o ministro Paulo Guedes que orgulha o mundo inteiro e o Brasil, escolheu o presidente do Banco Central, que foi escolhido o melhor presidente do Banco Central do Mundo no ano passado”.

Ele também falou do compromisso do ministro Rogério Marinho “em inaugurar este ano a pedido do presidente da República, Jair Bolsonaro, a barragem de Oiticica e várias obras importantes no Estado”, bem como citou os ministros Gilson Machado (Turismo) e Teresa Cristina (Agricultura) sobre as obras que o governo vem entregando, mandando um recado para a oposição. “Se não conseguirem colocar essa guerra de palavras, colocar que o presidente saiu sem máscara, fez isso, fez aquilo, falou isso, não tem chance na eleição, mas  eleição não é uma corrida de 100 metros, é uma maratona e ano que vem ser obrigados a colocar, onde nunca colocam em rede nacional, o que esse governo fez”.

E ainda disse que “o Brasil não vai abrir mão de um legado de honestidade, de trabalho e da verdade, gostando ou não gostando do presidente Bolsonaro, ele é verdadeiro, fala a verdade”. Até fez comparações com os adversários – “antigamente tinha um presidente que falava tudo o que o povo queria ouvir, mas por trás negociava emendas, decretos, e hoje não, hoje tem um presidente que pode até falar o que não se quer ouvir, mas nunca se vai ouvir que ele usou uma virgula de um decreto para tirar R$ 1,00 do povo brasileiro”.











Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte