Cookie Consent
Negócios e Finanças
A riqueza no campo
Publicado: 00:00:00 - 27/08/2021 Atualizado: 02:10:34 - 27/08/2021
Luiz Antônio Felipe
Laf@tribunadonorte.com.br

O Ipea reduz o PIB do agronegócio do país após quebra no milho em 2021, mas vê alta de 3,3%, já em 2022. As projeções foram apresentadas em um encontro em parceria com a Conab. Aliás, a Conab estima uma safra de soja 21/22 do Brasil em 141,26 milhões de toneladas e projeta um salto de nada menos do que 33,8% na safra de milho. A próxima safra terá preços atrativos e expectativas positivas de rentabilidade. O Brasil tem muito espaço para expandir sua produção agrícola, muito embora não se traduza em mais empregos por conta da alta mecanização.

CLIMA 
O ajuste nas projeções foi motivado pela redução nas estimativas de produtividade e produção de culturas importantes, devido a impactos climáticos adversos da ocorrência de um fenômeno La Niña mais severo nesta safra, e pela piora do cenário para a produção de bovinos. A Conab corta a projeção de safra de cana 21/22 no centro-sul para 538,7 milhões de toneladas após as geadas.

Emprego
O Brasil registra abertura de 316.580 vagas formais de trabalho em julho, mostra o Caged, mantendo a recuperação dos empregos perdidos com a pandemia. O salário médio de admissão caiu 1,25% na comparação com o mês anterior, situando-se em R$ 1.801,99. No acumulado do ano, o país registra saldo de 1.848.304 empregos.

Crédito
O governo institui um sistema de crédito facilitado para microempresas. O Sistema Nacional de Garantias de Crédito objetiva facilita as garantias dos empréstimos que poderão ser realizadas por outras instituições, uma espécie de “fiador”. Por exemplo, um grupo de empresas poderá se juntar e montar uma cooperativa de crédito e garantir as operações.

EQUILÍBRIO
O déficit primário em 2021 pode cair abaixo de 1,5% do PIB com ritmo crescente de arrecadação, diz o Ministro da Economia, Paulo Guedes. Não há dificuldades para administrar as finanças do País, agora e no futuro.

Liquida Natal
Começa hoje e vai até 5 de setembro a campanha promocional Liquida Natal 2021, em sua vigésima edição realizada pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e a terceira com apoio do Governo do Estado, via programa Nota Potiguar. Não é de esperar muita coisa, mas o engajamento dos lojistas se dá por conta do intervalo de baixas vendas até o ciclo natalino, como incentivo às vendas no comércio de Natal e municípios da região metropolitana. Cada R$ 50,00 em compras dá direito a um cupom. Na premiação um carro zero quilômetro, cinco TVs e um caminhão de prêmios para os consumidores e sete vale-compras no valor de R$ 1 mil para os vendedores das lojas participantes. A CDL prevê que 3.000 lojas participando e um movimento de R$ 215 milhões em vendas.

MERCADO 
O preço do barril de petróleo (WTI) fecha em leve queda de -0,11% a US$ 67,86.  O dólar em alta de +0,87% por R$ 5,261 e o euro a R$ 6,178, uma alta de +0,59%. A Bolsa caiu -1,73% a 118.723 pontos. O mercado acompanha a cena política e a pandemia com a variante Delta.

1- A Confiança da Construção alcança nível idêntico ao observado em março de 2014, diz a Fundação Getúlio Vargas. Subiu 0,6 ponto em agosto, para 96,3 pontos. Em médias móveis trimestrais, o índice avançou 3,0 pontos, a terceira alta consecutiva. As expectativas são de melhoria contínua dos negócios.
2- O Índice Nacional de Custo da Construção varia pouco, 0,56% em agosto, percentual inferior ao apurado no mês anterior, quando o índice subira 1,24%. Com este resultado, o índice acumula alta de 11,37% no ano e de 17,05% em 12 meses. Em agosto de 2020, o índice variou 0,82% no mês.
3- As importações brasileiras de produtos químicos somaram US$ 5,3 bilhões em julho, aumento de 4,1% na comparação com o mês de junho e de expressivos 45,4% em relação ao mês de julho de 2020. Pelo segundo mês consecutivo, os valores importados ultrapassaram a marca dos USS 5 bilhões.

CHUVAS
A redução das chuvas no RN, abaixo da média 35,7% janeiro a julho de 2021, prejudicou até a produção na região da cana de açúcar que está iniciando o esmagamento. O volume médio acumulado de chuvas foi de 477,7 milímetros (mm) enquanto que o esperado para o período era de 761,4mm.

RESERVATÓRIOS
Dentro de 45 dias, ou mais um pouco, começa o período das chuvas no Sudeste e Centro Oeste do País. A expectativa é de aumento da produção de grãos e de energia nas maiores hidrelétricas do País, “para matar dois coelhos de uma cajadada só”. Até agora o País vem atravessando bem essa escassez, sem racionamento de energia. .

PREVISÕES
Apesar da previsão da Administração Oceânica e Atmosférica (NOAA), dos Estados Unidos, indicar 70% de chances de um novo La Niña ainda neste ano, até o momento, a tendência é de um evento climático mais curto e com menos intensidade do que o observado em 2020. É preciso aguardar as próximas atualizações. Entre hoje e 4 de setembro, o modelo aponta chuvas de até 90 mm em áreas do Paraná, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso.

LIMPEZA
Após crescer 35% nos últimos meses na pandemia, a empresa Limpeza com Zelo quer abrir escritório regional em Natal. A rede investiu em novas frentes de tecnologias de gestão de mão de obra, impulsionando o negócio e colaborando para o plano de expansão este ano, que prevê o investimento de R$ 500 mil a R$ 1 milhão em Natal.

RETORNO 
A Air France confirma para 22 de outubro a retomada dos voos em Fortaleza e Paris. A companhia terá três ligações semanais (quarta, sexta e domingo) operadas por aeronaves de fuselagem larga (wide-body) com mais de 200 assentos.  Falta agora Natal retomar os voos da TAP para Lisboa.

Os artigos publicados com assinatura não traduzem, necessariamente, a opinião da TRIBUNA DO NORTE, sendo de responsabilidade total do autor.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte