Abayomi é lugar de encontros

Publicação: 2018-05-25 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Um espaço colaborativo com conceito ou simplesmente um novo conceito de espaço colaborativo. O Abayomi Espaços Compartilhados abre suas portas hoje no Tirol, reunindo em um mesmo local propostas distintas que se complementam numa só ideia, atividades realizadas em parcerias, música, cultura, petiscos e cerveja gelada. 

Maria Alice Fernandes, Walter Romero e Diana Campos uniram ideias  criativas para compor o Abayomi, cujo objetivo é “dar espaço a quem precisa de espaço”
Maria Alice Fernandes, Walter Romero e Diana Campos uniram ideias criativas para compor o Abayomi, cujo objetivo é “dar espaço a quem precisa de espaço”

O novo espaço oferece sala de trabalho colaborativo, café, bar,   gráfica, sala multiuso para reuniões e oficinas, área para exposições e outras atividades.

A parte de coworking oferece ambiente climatizado, com mesa ampla para até oito pessoas trabalharem conjuntamente, internet, água e café.  

Para a abertura, logo mais às 18h, estão programadas apresentações de artistas de diversos estilos, em clima de jam session. O DJ Russo Camarão Nativo abre os trabalhos.

Na sequência, se apresentam Mestre Zorro e Denise (samba e música autoral), Pedro Neto (samba e música autoral), Helder Gomes (mpb e samba), Gustavo e Hugo (samba e mpb), Manu, Tatiana Gonçalves e Jéssica Pessoa (música do Brasil e de Cabo Verde), Nayara (voz e violão) e o Grupo Potiguar de Rabeca e Violão.

Uma vez inaugurado, o café funcionará das 8h30 às 18h, de segunda a sexta-feira. O local vira bar todas as sextas-feiras, com música ambiente, das 18h30 às 22h, e mesas no salão principal e corredores. Aos sábados, tem feijoada com samba, das 12h às 18h. A atração de amanhã é o grupo Motirô e convidados.

A programação semanal ainda está sendo fechada, mas contemplará nesse primeiro momento sessões de cinema seguidas de debate, aulas de percussão e violão, treinos de capoeira angola e outras atividades ainda em negociação.

Bonequinha feita de tecido e nós é cheia de significados
Bonequinha feita de tecido e nós é cheia de significados

O Abayomi é uma parceria de Maria Alice Fernandes, Walter Romero e Diana Campos, todos ligados à área cultural. Segundo Alice, a principal motivação para abrir o local foi “dar espaço para quem precisa de espaço.”

Para realizar o objetivo, o trio de amigos alugou uma casa tradicional do Tirol e começou a reforma, alterando o mínimo possível para não descaracterizar seus traços originais. O projeto é de Diana Campos, que é arquiteta, e visa o reaproveitamento de materiais, sem maiores intervenções.

O espírito colaborativo está em tudo no Abayomi. Móveis, plantas e objetos de decoração foram doados por amigos e familiares.

Na parte gastronômica, serão vendidos petiscos e pequenos lanches fornecidos por parceiros, como tapioca, acarajé e caldos. Não haverá produção de alimentos no local. A estrutura da cozinha servirá apenas para montar os quitutes.  

Walter Romero chega a se emocionar quando explica o significado da palavra iorubá Abayomi  — “encontro precioso”. O nome também denomina pequenas bonecas confeccionadas com retalhos de tecido e nós, feitas por mães negras para distrair seus filhos durante as viagens em navios negreiros. “Queremos fazer com que esse ambiente seja de encontros preciosos”, diz ele.

Serviço:
Abayomi Espaços Compartilhados (rua Ezequias Pegado, 1021, Tirol). Inauguração hoje, às 18h, com DJ Russo Camarão Nativo e jam session.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários