Agente penitenciário é morto a tiros no bairro Bom Pastor

Publicação: 2017-10-11 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O agente penitenciário, Thiago Jefferson Bezerra de Lima,  foi morto, na noite desta terça-feira (10), após ser baleado no bairro Bom Pastor, zona Oeste de Natal. Segundo informações da Polícia Civil, o agente estava chegando em casa quando foi alvo dos disparos. Ele foi socorrido e levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Cidade da Esperança, mas não resistiu aos ferimentos e chegou ao hospital sem vida.

O agente penitenciário Thiago Jefferson Bezerra, , foi baleado quando chegava em casa, na Zona Oeste de Natal e não resistiu aos ferimentos
Thiago Jefferson Bezerra foi o segundo agente penitenciário moto este ano

A Polícia Civil está em diligência, mas até o fechamento desta edição impressa não havia informações sobre como o crime aconteceu ou suspeitos identificados. Thiago Jefferson atuava no Hospital de Custódia e durante muito tempo foi do Grupo de Operações Especiais dos Agentes Penitenciários. Ele  é o segundo agente penitenciário assassinado este ano. Outros 18 profissionais da segurança pública, sendo 16 policiais militares, um guarda municipal e outro agente penitenciário, foram mortos este ano.

Em nota, o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Rio Grande do Norte lamentou o crime. "Sabemos que toda a população está sujeita à insegurança que tomou conta do Estado. No entanto, essa insegurança para nossa categoria é muito maior, pois os bandidos têm caçado os operadores de segurança e, em especial, os agentes penitenciários, que lidam diretamente e diariamente com os criminosos nas unidades prisionais. Esse caso é o retrato triste dessa realidade", comenta Vilma Batista, presidente do Sindasp-RN.

“Além dos riscos da profissão, os agentes penitenciários estão abandonados pelo Estado e o resultado, infelizmente, é esse. Enquanto os operadores da segurança não forem valorizados e reconhecidos pelo Governo, os criminosos continuarão tendo a ousadia de nos enfrentar e atentar contra nossas vidas", completa Vilma Batista.

Em luto pela morte de Thiago Jefferson Bezerra, o Sindasp-RN pediu que os agentes paralisassem os serviços de escoltas, intervenções e visitas nas unidades prisionais nesta quarta-feira. "Em homenagem ao nosso companheiro que foi covardemente assassinado, vamos suspender essas atividades para que possamos velar e sepultar seu corpo", informa Vilma Batista, presidente do Sindicato.

De acordo com ela, o Sindicato também acionará a Secretaria de Justiça e Cidadania para solicitar que, devido ao assassinato do agente, seja determinado a suspensão das visitas por 30 dias, seguindo modelo de medida que já foi adotado pelo Depen no Sistema Penitenciário Federal.

A suspensão das atividades, nesta quarta-feira, também deve se estender aos agentes penitenciários que estão ministrando curso de formação.



continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários