Agentes penitenciários querem explicações sobre orçamento destinado à categoria

Publicação: 2014-06-03 09:57:00 | Comentários: 2
A+ A-
Os agentes penitenciários do Rio Grande do Norte foram à Assembleia Legislativa na manhã desta terça-feira (3) para pedir auxílio aos deputados estaduais na negociação com o Governo do Estado para o pagamento de benefícios, principalmente os relacionados à implantação do Plano de Cargos e Salários, que ainda precisa de encaminhamento de proposta à Assembleia por parte do Executivo. Segundo a presidente do sindicato da categoria, Vilma Batista, falta vontade por parte do Governo em solucionar a questão.

A visita aos deputados, segundo a sindicalista, é para apelar que a Assembleia, como órgão fiscalizador, cobre explicações sobre a destinação do orçamento aprovado em 2013 com efeitos para 2014, onde, segundo ela, deveria haver o repasse de R$ 10 milhões para a implementação do Plano de Cargos da categoria.
Alberto Leandro/Arquivo TNPresidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Vilma Batista, critica a postura do Governo do EstadoPresidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Vilma Batista, critica a postura do Governo do Estado

"O Governo não explica o porquê de não pagar. Quando conversamos, ficam com uma conversa como aquelas em política do interior, onde não se diz nada. Aí a Justiça diz que a negociação está ocorrendo há pouco tempo, quando na verdade cobramos isso desde 2011", disse Vilma Batista, em referência à decisão judicial que considerou a greve ilegal e estipulou multa em caso de descumprimento.

A sindicalista garantiu que os agentes penitenciários estão trabalhando desde sábado (31) e que não há responsabilidade por parte da categoria quanto à recente rebelião que ocorreu em presídio na zona Norte de Natal, conforme chegou a ser dito por membros do Governo. Além disso, a categoria também negou que quisesse um reajuste de 200%.

"Estão falando mentiras por aí. Com o plano de cargos, eu vou ganhar R$ 10 mil quando daqui a 25 anos. Pelo trabalho que a gente faz, R$ 1 milhão ainda seria pouco", disse Vilma Batista.

Após o encontro com os deputados, os agentes penitenciários realizarão Assembleia da categoria para que sejam explanadas as reivindicações da categoria e a que pé estão as negociações.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários

  • josinetorn120

    eu gostaria que os governantes desse rn trocassem de lugar com os agentes penitenciarios por um mes só... ai eu queria ver se eles iriam soltar mentiras na imprensa como fazem hj... Assim diz o SENHOR DEUS. ·JEREMIAS (cap. 22)· 13 Ai daquele que edifica a sua casa com iniqüidade, e os seus aposentos com injustiça; que se serve do trabalho do seu próximo sem remunerá-lo, e não lhe dá o salário; ·HABACUQUE (cap. 2)· 9 Ai daquele que adquire para a sua casa lucros criminosos, para pôr o seu ninho no alto, a fim de se livrar das garras da calamidade!

  • luger

    Uma categoria muito nova ainda para pleiteiar um salário deste! Fora da realidade da profissão.