Política
AL deve empossar novo deputado na próxima semana
Publicado: 00:00:00 - 10/03/2021 Atualizado: 00:09:27 - 10/03/2021
Com as dependências do Palácio José Augusto fechadas para dedetização em virtude pandemia do novo coronavírus, ficou para o começo da próxima semana a posse do deputado estadual Jacó Jácome (PSD) na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Jácome foi diplomado na noite de segunda-feira (08), no gabinete do presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), desembargador Gilson Barbosa, por ordem de ofício do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que negou recurso à cassação do deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL) em processo de captação ilícita de recursos de campanha nas eleições de 2018.

Divulgação/TRE
Presidente do TRE, Gilson Barbosa, entrega o diploma a Jácome

Presidente do TRE, Gilson Barbosa, entrega o diploma a Jácome


A posse do deputado Jacó Jácome deve ocorrer no gabinete do presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), na segunda ou terça-feira (dias 14 e 15), provocando mudanças nas correlações de forças políticas na Casa, com a saída de um deputado de esquerda que vinha se declarando “independente”, mas que em algumas oportunidades votava com o governo, e a entrada de outro deputado com postura oposicionista, que tem feito críticas nas redes sociais, inclusive, ao enfrentamento da pandemia pelo governo do Estado.

Outra mudança com a posse do deputado Jacó Jácome ocorre na própria estrutura partidária do PSD, que passa a contar com três deputados, o mínimo exigido regimentalmente para ter direito a voz no colegiado de líderes de bancadas, a exemplo do PSDB, que tem cinco deputados e o partido Solidariedade, que tem três parlamentares ao lado do Partido Liberal (PL). 

Mesmo assim, a situação continua com uma maioria folgada em plenário, 14 deputados, contra dez da oposição, que até então tinha nove parlamentares.
Além do deputado Jacó Jácome, a bancada do PSD é formada pelos deputados Vivaldo Costa, que apoia o governo Fátima Bezerra (PT) e o deputado Galeno Torquato, que é ligado politicamente ao ex-governador Robinson Faria e faz oposição ao Governo do Estado. Até então, o PSD integra bloco partidário com o DEM, do deputado Getúlio Rego.

O TSE havia determinado a retotalização dos quocientes eleitoral e partidário sem computar os 19.158 votos atribuídos a Pimentel, implicando na eleição de Jacó Jácome, que obteve 26.864 sufrágios nas eleições de 2018.  

Após o recebimento do ofício nessa segunda-feira, a equipe do TRE-RN responsável pela retotalização dos quocientes prontamente atuou para a celeridade da tarefa. Também nessa segunda, o Desembargador Gilson Barbosa encaminhou ofício ao presidente da Assembleia Legislativa do RN, Deputado Ezequiel Ferreira, comunicando a retotalização e diplomação de Jacó Jácome para dar cumprimento a determinação do TSE.

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Felipe Salomão, havia concedido liminar no dia 02 a Jacó Jácome, que disputou as eleições de 2018 pela coligação Trabalho e Superação II (PR/PSB/PSDB/PSD/PROS).











Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte