América leva susto, mas bate o Sergipe e conquista a vaga na segunda fase

Publicação: 2017-06-18 17:56:00 | Comentários: 0
A+ A-
Em uma partida com dois tempos bem distintos, quando jogou o fino do futebol na etapa inicial, quando conseguiu abrir uma vantagem de 2 a 0, e sofreu um apagão na segunda etapa permitindo chegando a permitir o empate do adversário. O América bateu o Sergipe por 3 a 2 e confirmou presença na segunda fase da série D. A vitória que teve contornos dramáticos, foi obtida com gols de Tadeu, Cascata e Danilo Silva, com Alexandre e Netinho descontando para os sergipanos. O foco do clube potiguar agora passa a ser o mata-mata, ele ainda aguarda pela definição do primeiro adversário na fase eliminatória.

No próximo final de semana o time natalense vai até Alagoas, enfrentar o Murici, que foi derrotado pelo Jacobina e que precisa de uma combinação de resultados para tirar a vaga do time baiano. O Sergipe está eliminado dessa luta, a temporada de 2017 acabou para o clube.

Danilo marca e América vence Sergipe por 3 a 2
Danilo desempata partida e América vence Sergipe por 3 a 2

Com a torcida em bom número nas arquibancadas, efetuando o ambiente de festa prometido durante a semana no jogo que valia a classificação da equipe, o América procurou corresponder ao apoio recebido desde o minuto inicial, quando logo na saída de bola colocou a defesa sergipana numa saia justa.

Voltando a mostrar o futebol veloz e ofensivo, usando muito as laterais, demorou apenas quatro minutos para os natalenses abrirem vantagem a aumentar o desespero dos visitantes. Numa boa escapada pela direita, Guilherme cruzou e o lateral Ferreira Arruda, embora só, colocou para escanteio por medida de segurança. O castigo veio na sequência, na cobrança do tiro de esquina, Cascata colocou a bola na cabeça de Tadeu, que subiu com categoria para desviar e marcar o seu primeiro gol com a camisa alvirrubra.

Dominando completamente as ações no gramado e tirando proveito da fragilidade na marcação sergipana, o América quase chegou ao segundo gol, num bom contra-ataque puxado por Cascata, que deu um passe na medida para Guilherme entrar livre e concluir em cima do goleiro adversário, que realizou grande defesa.

Ferreira continuou tendo trabalho, primeiro numa bola cabeceada por Paulão e depois, num dia inspirado, Cascata bateu da entrada da área obrigando o goleiro do Sergipe e realizar outra boa defesa. Enquanto isso, do outro lado, Fred era obrigado a se exercitar para não perder o aquecimento, por que simplesmente não pegava na bola.

América vence Sergipe na Arena das Dunas
América vence Sergipe na Arena das Dunas por 3 a 2; Tadeu abriu o placar

Sem passar sequer um susto, continuavam jogando a vontade e dando um susto atrás do outro na zaga do time de Aracaju toda vez que subia ao ataque. Aos 45 Tadeu se deu ao luxo de perder um gol feito, após tentar completar cruzamento de Guilherme e ver a bola tomar outro rumo após bater no seu calcanhar. Mas o inspiradíssimo Cascata tratou de colocar mais justiça ao placar, quando arriscou novo chute de fora da área, acertando o canto direito de Ferreira, que nada pode fazer para evitar o 2 a 0, resultado que abreviava a temporada para o Sergipe em 2017.

Com uma boa vantagem, o América diminuiu o ritmo de jogo, o Sergipe que estava no desespero, começou a ganhar confiança e embora sem ameaçar muito, se aproveitou de uma falta cobrada na intermediária, para diminuir a desvantagem, com Alexandre. O jogador se aproveitou de uma indecisão do goleiro Fred e foi esperto para desviar a bola para o fundo do gol, num lance em que o sistema defensivo americano pareceu atônito.

Demonstrando ter sentido o golpe, o gol de empate por pouco não surgiu aos 16, quando Baco cruzou, o zagueiro Vinícius entrou livre, não conseguiu acertar a bola, que ainda assim triscou a trave do gol defendido por Fred. Depois Baco na cobrança de uma falta criou dificuldade para o arqueiro americano, que realizou a defesa parcial e viu Cleyton aparecer para aliviar o perigo.

Mas a ameaça não demorou muito a se concretizar, numa saída de bola errada, Robson perdeu uma bola no meio-campo e os sergipanos armaram um contragolpe mortal, Alexandre recebeu pela esquerda e cruzou para Netinho, livre, empurrar para o fundo do gol e deixar tudo igual. A essa altura eram os natalenses que não conseguiam acertar mais nada dentro de campo. A essa altura a torcida estava completamente calada, sem acreditar no que via.

Bastou o time americano acertar um lance, com Tadeu mergulhando para cabecear e obrigar Ferreira a salvar o desempate, para acender a chama da animação na torcida. Leandro Campos detectando a queda no seu sistema de marcação tratou de reforçar a pegada americana com as entradas de Guto e Sidney.

Com a equipe protegida na defesa, foi a vez de Danilo Silva aparecer passando por todo mundo do lado esquerdo e, na saída do goleiro, bater forte, rasteiro, para fazer 3 a 2 América aos 37 minutos e reanimar os quase sete mil torcedores presentes na Arena das Dunas.

Depois em dois contra-ataques, o América teve a oportunidade de ampliar a diferença a seu favor, mas desperdiçou, ambas com o goleiro fora do gol. Mas o importante aconteceu, a classificação para segunda fase.

Após o final do jogo os atletas atenderam o chamado e foram realizar a festa com os torcedores na arquibancada.

Ficha
América 3 x Sergipe 2
América: Fred, Guilherme (Guto), Cleyton, Paulão e Danilo Silva; Robson (Roboson), Jonathas, Marcos Júnior e Cascata; Tadeu e Jean Silva (Uéderson). Técnico: Leandro Campos.
Sergipe: Ferreira, Ferreira Arruda (Dinda), Vinícius, Alexandre e Diogo (Vicente); Brendon, Rhuan, Ramalho e Baco; Netinho e Williams Luz (Mael). Técnico: Ribeiro Neto.
Árbitro: Diego da Silva Castro (PI)
Gols: Tadeu/AME (4’/1ºT), Cascata/AME (46’/1ºT), Alexandre/SER (8’/2ºT), Netinho/SER (22’/2ºT), Danilo Silva/AME (37’/2ºT)
Público:  6.994 torcedores
Renda: R$ 91.540,00
Local: Arena das Dunas



continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários