Esportes
América aumenta ingressos e pode enfrentar problema
Publicado: 00:00:00 - 06/01/2012 Atualizado: 04:11:48 - 06/01/2012
A direção do América anunciou ontem que deverá cobrar, durante o Campeonato Estadual, ingresso a R$ 34,00, sendo que o comprador terá direito a duas Timemanias. De acordo com o Código do Consumidor, esse tipo de venda, na qual o comprador não tem a opção de finalizar o negócio escolhendo pagar por apenas um dos dois produtos é considerada “Venda Casada”. O ingresso de Estduante custará R$ 17,00 com direito a uma Timemania. A aposta nesta modalidade de loteria custa R$ 2,00.

De acordo com o advogado Murilo Mariz este tipo de prática é proibida pelo Código de Defesa do Consumidor. “Caracteriza totalmente a compra casada. Estando duas coisas à venda e não havendo a opção do consumidor escolher só uma das coisas, é venda casada. Caso ingressos sejam vendidos e não exista a opção de comprar ou não bilhetes ou quaisquer outros produtos, está caracterizada a venda casada”, analisou.

O advogado disse ainda que: Como o valor é baixo, o melhor procedimento é apresentar uma representação para Promotoria de Defesa do Consumidor. Após a representação, o MP vai encaminhar a diligência e, constatando a compra casada, pode fazer a notificação, sob pena de multa caso a prática continue. Outra opção é ir ao Procon e denunciar, umas vez que tanto o MP quanto o Procon, nesse caso, têm poderes para aplicar multa”.

Além da questão legal, o América elevou o preço do seu ingresso, em Goianinha, no estádio Nazarenão, em R$ 14,00, um aumento de cerca de 70%, bem acima do aumento do salário mínimo que foi de 14% e mais ainda que a previsão de inflação que é de 6,54% para 2011.

Para o amistoso de amanhã, no qual o clube enfrentará o CSP da Paraíba, o preço cobrado será R$ 20,00, com Estudante pagando R$ 10,00, a mesma quantia praticada durante a Série C do Campeonato Brasileiro.

O presidente americano, Alex Padang, nega que haja venda casada e explica o que chamou de “prêmio para o torcedor”. “Não tem nada vinculado. Pode ter inclusive jogos que a gente nem dê. É um prêmio que o cara pode ganhar e ficar milionário”.

Padang explica que o torcedor irá pagar o preço do ingresso e que receberá a Timemania se quiser. “Ele não está obrigado a aceitar”, disse.

Com relação ao aumento nos preços, o presidente americano considera o preço dentro do normal. O ABC, segundo informações extra-oficiais estaria planejando cobrar R$ 40,00 inteira e R$ 20,00 estudante.

Leia também