América empata com o Icasa no Barrettão

Publicação: 2013-05-28 21:42:00 | Comentários: 0
A+ A-
A sina do estádio Barrettão continua para o América. No terceiro jogo do clube na nova casa, a terceira partida sem vitória. Dessa vez foi um empate diante do Icasa/CE, por 1x1, pela segunda rodada da série B do Brasileiro, na noite dessa terça-feira. Os gols foram marcados por Júnior Negão, para os alvirrubros, enquanto Luiz Otávio empatou para os cearenses. Com o resultado, a equipe comandada por Roberto Fernandes, aparece na 14ª posição, com 1 ponto conquistado, em duas partidas. O próximo compromisso americano na competição, acontece nessa sexta-feira, contra o Paysandu, no Pará.

Querendo quebrar o incômodo tabu de seis jogos sem vencer, o América começou pressionando o Icasa/CE e logo aos dois minutos conseguiu abrir o placar, com Júnior Negão, de cabeça, depois de escanteio cobrado por Cascata. Mas, quem pensava que a equipe alvirrubra iria comandar as ações da partida, se enganou. Os visitantes começaram a tocar a bola, envolvendo o meio campo americano, que estava perdido dentro de campo, e começou a atacar.

Os cearenses tiveram três chances e pouco menos de 10 minutos, que o goleiro Rodrigão conseguiu impedir o gol de empate. Mas, aos 19 minutos, escanteio para o Icasa, a zaga do América não consegue afastar e o zagueiro Luiz Otávio apareceu para chutar e empatar. Depois do gol, só o time do Ceará jogou. Os donos da casa erravam muitos passes e com isso, proporcionava contra-ataques para o Icasa. Em um desses lances, o zagueiro Índio saiu jogando errado, o atacante Adalgiso Pitbull dominou dentro da área e chutou rasteiro, cruzado. A bola passou por Rodrigão, bateu na trave e acabou indo para fora.

O América, sem conseguir marcar o Icasa, teve apenas uma chance clara de gol, através de Júnior Negão, que aproveitou um cruzamento da direita de Arnaldo, desviou, mas a bola bateu no travessão.

Na saída para o intervalo, os torcedores presentes no Barrettão, vaiaram o time do América, principalmente o goleiro Rodrigão e o volante Fabinho.

A etapa final foi menos intensa que o primeiro tempo. A América até que tentava atacar, principalmente com jogadas aéreas, mas, parava na boa marcação do Icasa, que esperava os contra-ataques para assustar o goleiro Rodrigão. Mas, o segundo tempo teve apenas duas chances claras de gol, uma para cada time. A primeira foi da equipe cearense, com um chute forte de Chapinha, que o goleiro Rodrigão fez a defesa.

A chance americana surgiu depois que Cascata tabelou com Vaninho e deixou Júnior Negão livre na área. O camisa 9 alvirrubro dominou e chutou forte. A bola balançou a rede, mas, pelo lado de fora, frustrando os torcedores que compareceram ao estádio Barrettão.

“Nunca é bom empatar dentro de casa, mas, agora temos que descansar e procurar a vitória fora de casa e recuperar os pontos perdidos”, disse o atacante Júnior Negão, ao término da partida.

O técnico do Icasa, Francisco Diá, elogiou o desempenho do seu time. “Me surpreendeu o rendimento da equipe. Lógico que eu queria a vitória, mas, jogando fora de casa, sabia que seria difícil. Mas, se for olhar bem, as melhores chances do jogo foram do Icasa. Jogando assim, nosso time, dificilmente, vai ser rebaixado”, finalizou Diá.

FICHA TÉCNICA:
AMÉRICA-RN 1X1 ICASA-CE

Local: Estádio Barretão, em Ceará-Mirim/RN
Data: 28.05.13
Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Júnior (PE)
Público: 709 torcedores
Renda: R$ 5.760,00

GOLS:


AMÉRICA:
Júnior Negão, aos 2´do 1º T.
ICASA: Luiz Otávio, aos 19´do 1ºT

AMÉRICA-RN: Rodrigão; Arnaldo, Índio, Márcio Passos e Renatinho Potiguar (Tiago Adan); Ricardo Baiano Daniel (Índio Oliveira), Fabinho e Cascata; Júnio Negão e Kattê (Vaninho)
Técnico: Roberto Fernandes

ICASA: Camilo; Leyrielton, Luiz Otávio, Nildo e Carlinhos; Da Silva, Neto, Elanardo e Chapinha (Leandro); Adalgiso Pitbull (Lucas) e Juninho Potiguar (Sorato)
Técnico: Francisco Diá

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários