Esportes
América quer confirmar favoritismo
Publicado: 00:00:00 - 21/04/2012 Atualizado: 20:52:28 - 20/04/2012
Embalado pela vitória sobre o ABC, o América entra em campo hoje, às 17 horas, no estádio Nazarenão para iniciar a decisão do segundo turno do Campeonato Estadual contra o Baraúnas. O oponente mossoroense é apontado como um adversário perigoso, pois ganhou as duas em partidas que enfrentou o alvirrubro nesta temporada. A meta do time natalense é aproveitar o fato de ser o mandante do jogo e conquistar um resultado que possa lhe dar um pouco mais de tranquilidade no jogo da volta, marcado para próxima quarta-feira, no estádio Leonardo Nogueira.
Contestado pela torcida, atacante Isac joga, hoje, ao lado de Lúcio
“Agora é uma outra circunstância, uma outra etapa do campeonato muito mais difícil. Então entendo que o América continua sendo o favorito e a gente vai como franco atirador”, destacou o atacante Fabinho Cambalhota.

América e Baraúnas iniciam neste sábado, às 17h, no Estádio José Nazareno, em Goianinha, a decisão do segundo turno do Campeonato Estadual. A segunda partida será na quarta-feira, em Mossoró.

As equipes vão se enfrentar pela terceira vez no atual campeonato. O tricolor venceu os dois jogos nas fases classificatórias dos dois turnos, por isso mesmo, para os americanos o jogo tem sabor de revanche, embora os atletas não falem abertamente.

O Baraúnas está com o time indefinido. Durante os dias que antecederam a final, a comissão técnica preparou a equipe com treinos específicos, sem fazer coletivo, devido aos problemas de suspensão e contusão. Por isso mesmo, o técnico Wassil Mendes anunciou que vai divulgar os onze titulares somente no vestiário.

Tratando-se de lesão, o goleiro Érico e o zagueiro Nildo vão fazer teste no campo para saber se atuam. Caso sejam vetados, Luciano Gama e Carlos Alberto serão os substitutos. Desfalque certo mesmo é o volante Sorato, suspenso, e o meia Richardson por força contratual, pois está emprestado pelo América ao Baraúnas. Para os seus lugares, as opções naturais são Edmilson e Carlos Alberto. No entanto, o segundo pode abrir espaço para Pedrinho ou Jonson caso seja recuado para a defesa para suprir uma possível ausência de Nildo.

O apoiador Edmilson, que está na iminência de voltar ao time titular, após um período de contusão, lembrou que o América é um clube estruturado e que vem em ascensão. “Vencemos, foi bom, mas a gente não se ilude. Sempre o América vai ser o favorito por sua tradição e poder de investimento”, disse o jogador que deverá substituir a Sorato, que está suspenso.

Se o time for campeão, um carro zero quilômetro ofertado pela Federação ao clube vencedor do turno será repassado aos jogadores. A proposta foi feita ao presidente Eudes Fernandes e aceita de pronto pelos atletas. Passando do América, indo disputar a final geral do campeonato contra o ABC, os dirigentes e os jogadores voltaram a conversar para decidirem uma nova premiação. Até o momento, o time já acumula R$ 15 mil em prêmio. Além dos R$ 10 mil pela ultrapassagem de fase à final, a equipe já havia ganho R$ 5 mil pela classificação à semifinal.

Renatinho e Alison podem estar presentes na final

A primeira avaliação na situação de Renatinho, não preocupou o médico Roberto Vital, do ABC. O exame realizado com o atleta não mostrou nenhum fato mais grave e não está descartada a presença do lateral na decisão do Campeonato Estadual, que começa no dia 29 de abril. Quem recebeu sinal verde para retomar os trabalhos físicos e que também deve voltar ao time contra o vencedor do confronto entre América x Baraúnas, foi o zagueiro Alison, que não atua desde a partida contra o Caicó, válida pela última rodada da fase de classificação do segundo turno.

No caso de Renatinho, como não foi comprovado nada que pudesse chamar a atenção no resultado da ressonância, mas o atleta reclamou de dores na partida contra o Vitória, Roberto Vital decidiu solicitar alguns exames complementares. “Quem apresenta foco de cáries pode ter esse tipo de problema na musculatura, então pedimos alguns exames complementares que é para saber se existe algo influenciando na situação de Renatinho. Pode se tratar de uma simples mialgia, o que não requer maiores cuidados”, explicou o médico abecedista.

Como ganhou um espaço de tempo maior para treinar, após a eliminação na Copa do Brasil, os preparadores físicos do alvinegro iniciaram um período para aprimorar os trabalhos de força e velocidade. “Temos de realizar esse trabalho principalmente com os atletas que vinham participando dessa sequencia de jogos. Devido ao curto espaço de tempo entre as partidas, éramos obrigados a fazer apenas trabalhos de regeneração”, esclareceu o preparador físico Raniele Ribeiro.

Se os jogadores estão se esforçando para esquecer o trauma da desclassificação na Copa do Brasil, o presidente Rubens Guilherme, continua com o caso atravessado na garganta e achou um culpado para o fracasso. “O ABC foi garfado dentro da Copa do Brasil, o juiz foi mal intencionado e acho que a torcida do ABC tem que se indignar mais. O time jogou bem, mas claro que não teve maturidade mas o árbitro foi o fator diferencial. Agora temos que nos preparar para as finais do Estadual”, reclama o dirigente principalmente em relação ao pênalti marcado no final do jogo.

Leia também