Anderson vence no segundo round e convida Sonnen para churrasco

Publicação: 2012-07-08 09:21:00
Anderson Silva não quebrou todos os dentes de Chael Sonnen, conforme havia prometido antes daquela que foi alardeada como “a luta do século”, porém defendeu com autoridade o cinturão de campeão dos pesos médios do Ultimate Fighting Championship (UFC) no início da madrugada deste domingo. O brasileiro obteve um nocaute técnico contra o norte-americano no segundo round da principal luta do UFC 148, na MGM Grand Arena, e deixou de lado as intrigas que marcaram o confronto.
Anderson Silva venceu a luta no segundo round.
No primeiro round, contudo, Sonnen repetiu o que havia feito no primeiro combate com Anderson (quando dominou o brasileiro durante 23 minutos e acabou finalizado). O duelo mudou completamente no segundo. Após uma bela finta de corpo, o lutador que tem parceria com o Corinthians ficou sobre o seu rival e desferiu uma série de golpes, obrigando o árbitro a interromper a luta.

Apesar das polêmicas declarações de Chael Sonnen, que zomba com frequência do Brasil e de seus lutadores, Anderson Silva tentou demonstrar elegância após a vitória – acompanhada de perto por seu agente de imagem, o ex-jogador Ronaldo.

“Vamos mostrar que o Brasil tem gente educada e aplaudir o cara”, pediu Anderson, para o público brasileiro. “Chael, se você quiser fazer um churrasco lá em casa, eu te convido. Minha mulher faz para a gente”, completou, sorridente, enquanto o derrotado mantinha uma expressão emburrada no rosto.

Entre as demais lutas da noite, destaque para mais uma vitória brasileira. Demian Maia estreou bem na categoria dos meios-médios do UFC ao nocautear o sul-coreano Dong Hyun Kim em somente 47 segundos.

Confira todos os resultados do UFC 148:

Card Principal
Anderson Silva nocauteou Chael Sonnen no segundo round
Forrest Griffin ganhou de Tito Ortiz por decisão unânime dos juízes
Cung Le venceu Patrick Côté por decisão unânime dos juízes
Demian Maia nocauteou Dong Hyun Kim no primeiro round
Chad Mendes nocauteou Cody McKenzie no primeiro round
Mike Easton venceu Ivan Menjivar por decisão unânime dos juízes

Card Preliminar
Melvin Guillard venceu Fabrício "Morango" Camões por decisão unânime dos juízes
Khabib Nurmagomedov venceu Gleison Tibau por decisão unânime dos juízes
Costa Philippou venceu Riki Fukuda por decisão unânime dos juízes
Shane Roller venceu John Alessio por decisão unânime dos juízes
Rafaello "Trator" Oliveira venceu Yoislandy Izquierdo por decisão unânime dos juízes

* Fonte: gazetaesportiva.net