Aposentadorias por idade são maioria

Publicação: 2019-10-10 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
As aposentadorias por idade representam a maior fatia dos deferimentos nos nove primeiros meses do Rio Grande do Norte. Elas foram responsáveis por 6.899  concessões, contra 2.868 da aposentadoria por tempo de contribuição. Antes desta última, aparece ainda a aposentadoria por invalidez previdenciária, com 3.915 pedidos aprovados. As especiais registraram 122 solicitações no período.

Já no grupo das rejeições, o número do benefício por idade e por tempo de contribuição é parecido: 4.544 contra 4.244, respectivamente. As aposentadorias especiais e por  invalidez foram rejeitadas em 118 e 21 casos, em ordem.

A reforma
O texto da reforma da Previdência foi enviado ao Congresso Nacional pelo presidente Jair Bolsonaro em fevereiro deste ano. Após negociações, foi aprovada pela Câmara dos Deputados em primeiro turno, em julho, e no segundo turno, em agosto. No Senado, a proposta passou em primeiro turno e deve voltar a votação dentro de duas semanas.

A proposta da reforma impacta diretamente nos servidores públicos federais e empregados do setor privado. Entre os principais pontos da reforma, estão idade mínima de aposentadoria de 62 anos para mulheres e 65 para homens, ora da iniciativa privada, ora do setor público. Na nova regra, o tempo mínimo de contribuição é de 15 anos para mulheres e 20 para homens. Quem já está no mercado de trabalho, no entanto, tem um período de contribuição mínimo de 15 anos, tanto para homens quanto para mulheres.





continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários