Aprecie sem moderação

Publicação: 2016-08-26 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Cinthia Lopes
Editora


A praia da Pipa é um verdadeiro renovador de apetite.  Em qualquer travessa ou ladeira é possível encontrar um lugarzinho onde a comida é a grande protagonista. É nesse quesito que se insere o Aprecie Bistrô, do chef mossoroense Ricardo Rudney Mendonça. Funcionando há um ano na rua dos Bem-ti-vis, nº 34 (mesma do Tapas), o Aprecie  é despojado, como muitos estabelecimentos da Pipa; tem um único terraço principal voltado para a rua, onde o cliente, se tiver numa noite movimentada, poderá jantar ao som de músicos argentinos que fazem versões dos Beatles na viola, rabeca e flauta.
rogerio vitalO preferido da clientela: Atum com arrozde sushi, salteado de vegetais, cree wasabi e teriyakiO preferido da clientela: Atum com arrozde sushi, salteado de vegetais, cree wasabi e teriyaki

Mas é o cardápio que vem fazendo a fama no boca a boca e replicando entre as boas recomendações em sites de viagem, como o Tripadvisor, sendo o preferido de turistas regionais, do sul e sudeste e estrangeiros, principalmente os franceses que elegeram a Pipa como roteiro de verão.

O menu do Aprecie é enxuto, mas eficiente no passeio por algumas “cozinhas do mundo”. De quebra, o visual que tanto aguça o paladar. O segredo, ele diz, está nos ingredientes. “Tudo o que faço vem das experiências em lugares que visitei e trabalhei. Eu traduzo, faço releituras, busco um conceito visual e principalmente cuido para ter o melhor ingrediente. Se não consigo um bom fornecedor, desisto. Não é um delírio de chef”, comenda.

Diariamente ele sai na cola do melhor pescado para um dos famosos prato da casa, o ‘Atum com arroz de sushi salteado de vegetais, cree wasabi e molho teriyaki’. “Escolho o produto perfeito e já tenho cinquenta por cento ganho. Veja como a textura desse atum não é uma manteiga?”, desafia esta redatora. Elogios são fundamentais para o prato permanecer no cardápio. “Se não surpreender, já parto para outra criação”, comenta.  O custo-benefício também atrai, pois os pratos mais caros ficam na faixa dos 40/50 reais.

O nome Aprecie não é de todo desconhecido dos natalenses. Há dez anos havia um restaurante com o mesmo nome, em Ponta Negra. Nessa época Rudney trabalhava como assistente do chef norueguês Alexander Larsen, a quem considera um mentor, pela lição de conhecimento técnico e o primor pela criatividade.
rogério vitalPepper steak de filé mignon, batatas rústicas e tomates assadosPepper steak de filé mignon, batatas rústicas e tomates assados

Depois que a casa fechou, o chef passou uma temporada na Pipa, entre consultorias e cozinhas de hotéis, até amadurecer o projeto de um negócio próprio. A homenagem ao antigo restaurante é justa. “Foi um lugar onde exercemos bastante a criatividade”, conta.  
Rogério VitalChef Marcelo Rudney mescla várias cozinhas com leitura de bistrôChef Marcelo Rudney mescla várias cozinhas com leitura de bistrô

Mas nem só de ‘Aprecie(s)’ se restringe a carreira de Marcelo. Formado em Administração pela UERN e técnico em informática, Marcelo foi seduzido pela gastronomia profissional quando passou uma temporada viajando pela Argentina e Chile. “Cheguei a Buenos Aires em 2004 e nesse período aproveitei para estudar gastronomia na Fundação General San Martin. A minha cozinha tem muito dessas experimentações”.

Atualmente, o chef ainda presta consultorias. A mais recente foi o menu para o JackBurguer da Pipa. “Tenho uma queda por hambúrgueres e criei um menu voltado para fãs de burguers caseiros, com carnes de qualidade”.
Rogério VitalAmbiente do Aprecie é descontraído, com varanda para a ruaAmbiente do Aprecie é descontraído, com varanda para a rua

Cardápio
No atual Aprecie, os frutos do mar ganham em número. Tem Camarão salteado e regado em vinagrete de kinoa e creme de limões assados; Camarão Thay com vegetais crocantes,curry verde picante servido com couscous marroquino; Ou salteados em   alho, acompanhado de macarrão de arroz, vegetais crocantes e molho teriaki. Há ainda o tradicional fetuccine com camarões salteados cm molho de tomate, manjericão e queijo parmesão.

Há dois pratos de pescados:  Dourado Vermouth com batatas rústicas, vegetais, picles de cebola rocha e molho vermouth. Mais leve tem o Peixe grelhado com limão, macaxeira na manteiga e maionese de ervas, molho de limão e pimenta rosa. Na lista dos pescados há ainda o Atum, um dos pratos mais pedidos.
Rogério VitalToque oriental no Camarão ThayToque oriental no Camarão Thay

As carnes comparecem com o elogiado Filé ao jerimum assado, chips de bacon e molho funghi; Pepper Steak com crosta de pimentas, batatas, tomates quentes e molho de  conhaque; e o Magret de pato com purê de cenoura, vegetais e molho de vinho.  Para petiscar há o filé com shitaki, bruschetta de salmão com foccacia e limões assados, e a tortinha de peixe empanado com vinagrete e salada verde. As sobremesas também recebem uma atenção especial: Crème Brúlée delicado, Suflê de doce de leite servido com sorvete artesanal de banana e Brownie.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários