As viagens de Jacques Cousteau

Publicação: 2018-04-12 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Após navegar por tantos mares ao longo da vida, o oceanógrafo, escritor e documentarista francês Jacques Cousteau tem parte de sua vida contada no filme “A Odisséia”, que estreia hoje em Natal, na sessão de arte do Cinépolis Natal Shopping, sala 03. Sob a direção de Jérôme Salle, o filme reproduz os momentos mais icônicos da vida de Cousteau, dos 37 aos 70 anos de idade,  chefiando expedições pelos mares, experimentando as próprias  invenções, e mostrando seu lado mais controverso.

Filme sobre Cousteau aborda as descobertas e sua relação familiar
Filme sobre Cousteau aborda as descobertas e sua relação familiar

O longa foi rodado em cinco meses, e traz belas imagens, desde o ambiente gelado da Antártida até a interação com tubarões das Bahamas. A vida privada de Cousteau (Lambert Wilson) está no centro da trama, que começa em 1948. O oceanógrafo tem dois filhos com Simone (Audrey Tautou). Eles vivem no grande navio Calypso. Mas Cousteau quer algo além da aventura. Graças à sua invenção de um escafandro autônomo que permite respirar debaixo d’água, ele descobre um novo mundo. Obstinado em suas descobertas, não percebe que afasta a família de si.

O filho mais novo deles, Philippe Cousteau, é seu cúmplice e algoz. Ao mesmo tempo que eles têm em comum o amor pelo mundo subaquático, os objetivos e métodos para a construção e realização do trabalho divergem, fazendo com que os conflitos sejam constantes. Philippe era o principal crítico do pai quando o assunto girava em torno do financiamento para seu trabalho. O conflito geracional entre os dois reflete a gênese da consciência ambiental e da preocupação com sustentabilidade,  questões centrais do final do século XX. “Foi um pouco arriscado. Nunca ninguém tinha rodado em alguns dos locais onde rodamos. Filmar na Antártida é como filmar na lua”, disse o diretor, em entrevista à France TV.  Enquanto norte-americanos e russos brigavam pela conquista do espaço, Cousteau convencia a França a mergulhar no  misterioso universo dos oceanos.

Os fãs do Capitão Cousteau - que acompanharam suas expedições na TV brasileira através dos programas exibidos pela Rede Globo, Rede Manchete e TV Educativa -  e mesmo quem ainda não conhece a trajetória fascinante do oceanógrafo, pode encontrar os elementos que compõem esta jornada.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários