Azul e Gol reduzem suas malhas aéreas domésticas em até 92%

Publicação: 2020-03-25 00:00:00
A+ A-
Em decorrência da ampliação do número de cancelamentos de viagens aéreas nacionais e internacionais, a Azul e a GOL Linhas Aéreas anunciaram nesta terça-feira, 24, que irão promover,  em caráter temporário, a readequação de sua malha doméstica a partir desta quarta-feira, 25, se estendendo até 03 de maio, inicialmente.

Créditos: Adriano AbreuA Gol e a Azul não detalharam quais voos deverão ser atingidos chegando e saindo do EstadoA Gol e a Azul não detalharam quais voos deverão ser atingidos chegando e saindo do Estado


Durante esse período, a GOL Linhas Aéreas manterá as operações para as capitais, enquanto as regionais e internacionais regulares estarão suspensas. A GOL fará voos extras para atender eventuais demandas específicas em destinos regionais e internacionais. No Rio Grande do Norte, a GOL não opera voos regionais (ligando Natal a Mossoró, por exemplo). O voo internacional operacionalizado pela companhia aérea (Natal/Buenos Aires) está suspendo até o final de junho.  

Em nota, a empresa ressalta que está “zelando pelo compromisso com seus Clientes e com todas as pessoas que precisam viajar ou transportar itens essenciais neste momento”. Para isso, a empresa manterá em operação até o dia 03 de maio uma malha essencial de 50 voos diários, que conectará todos os Estados brasileiros a partir do aeroporto internacional de São Paulo, em Guarulhos (GRU). A GOL também irá flexibilizar o tempo limite das conexões, que aumentará de forma a garantir a ligação entre capitais em até 24 horas.

Essa nova malha aérea temporária resulta na redução da oferta da GOL, desde o início da crise do Covid-19, de aproximadamente 92% nos mercados domésticos e 100% nos internacionais.

A GOL sugere a todos os clientes que tenham voos agendados nesse período para que antecipem suas viagens para esta semana, em qualquer dia e horário, sem nenhuma cobrança de taxa adicional, evitando-se assim possíveis restrições de itinerários na nova fase que se inicia no próximo sábado.

A GOL adequou as regras e procedimentos para que não haja nenhuma cobrança de taxa de alteração, e estimula os seus clientes a acessarem de forma prioritária os canais digitais para maior conveniência e agilidade.

Também com o intuito de evitar aglomerações de pessoas em ambientes públicos, seguindo as recomendações dos órgãos de saúde, a empresa reforça a importância de os clientes tirarem suas dúvidas e realizarem todo o processo referente às suas passagens por meio dos canais digitais. Informações podem ser obtidas no site, nas redes sociais, no aplicativo e pelo telefone da Central de Relacionamento: 0300 115 2121.

Azul
Na mesma direção, a Azul comunicou que entre 25 de março e 30 de abril espera operar 70 voos diretos por dia, para 25 cidades, o que representa uma redução de 90% de sua capacidade total.

“As medidas de contenção e quarentena que estão sendo implementadas em todo o país estão limitando significativamente a mobilidade de nossos clientes, tripulantes e parceiros, o que torna inviável a operação de várias rotas que servimos", disse a Azul.

A companhia aérea complementou que “provavelmente, operações no Rio Grande do Norte podem ser afetadas em alguns dias, mas, infelizmente, não temos como fazer recortes por cidade/estado”.










Deixe seu comentário!

Comentários