Balada com jeito de bistrô

Publicação: 2018-06-08 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Pode-se dizer que o Balada Bar e Petiscaria, point de Morro Branco, se “gourmetizou”, mas sem perder a essência e o sabor jamais. A casa está celebrando seus oito anos de estrada com uma mudança total no cardápio, que passa a vigorar a partir desta sexta-feira. Com a assinatura do chef Jonatã Canela, o novo menu oferece uma série de releituras de pratos regionais e de boteco, com uma apresentação caprichada e receitas bastante criativas.

Mini caldeirada de frutos do mar, com polvo, camarão e lula
Mini caldeirada de frutos do mar, com polvo, camarão e lula

Ousadia é a palavra. “Considero que fomos bastante ousados nessa mudança de cardápio. Deixamos pouca coisa do que tinha antes e priorizamos a mudança no setor de petiscos. Ampliamos a diversidade”, afirma Clarissa Siqueira, uma das proprietárias do Balada. Ela ressalta que há 21 opções de petiscos, e 16 dessas são novidades. As opções de refeições foram mantidas, mas passando por mudanças na apresentação e aperfeiçoando as receitas.

Dadinhos de caranguejo na caneca
Dadinhos de caranguejo na caneca

Novidades
Entre as novas iguarias da casa estão um original arrumadinho de caranguejo, o “alinhado do mangue”; o “avoado”, que é sobrecoxa de frango desossada com molho de laranja, castanha e chips de macaxeira; o “barrigudinho”, torresmos fritos e servidos com geleia de goiaba; uma mini caldeirada de frutos do mar (com camarão, lula, polvo e mexilhão); o camarão “invocado”, ou seja, crocante e servido com geleia de abacaxi e pimenta.

Amor bandido: Coração de frango com molho de rapadura, ceviche de feijão e farofa de limão siciliano
Amor bandido: Coração de frango com molho de rapadura, ceviche de feijão e farofa de limão siciliano

Criado especialmente para o Balada, está o “coração bandido”, que é coração de frango ao molho de rapadura, quiabo frito, ceviche de feijão verde e farofa de limão siciliano; a costela “descolada” é suína e feita no caramelo de uísque, servida com macaxeira frita; dadinhos de caranguejo; a famosa ginga é servida com dadinhos de tapioca; o “mexe mainha” é camarão e mexilhão no curry; linguiça do sertão com maionese de batata doce e wasabi; isca de peixe com emulsão de limão; e o fígado acebolado com farofa de cuscuz, o “Zé Arretado”.

Zé Arretado: Fígado acebolado com farofa de cuscuz
Zé Arretado: Fígado acebolado com farofa de cuscuz

Tradicionais da casa
Entre os pratos tradicionais da casa que foram mantidos após o novo menu estão o peixe à moda da casa, filés à parmegiana ou ao molho de queijo do reino;  a carne de sol com queijo coalho, feijão verde, macaxeira, arroz branco, farofa e vinagrete; escondidinho; paçoca tradicional; e filé com fritas. Clarissa faz questão de ressaltar que um dos petiscos mais procurados da casa foi mantido, intocado: o caranguejo no coco. O “queridinho” do público mais antigo do bar não deixaria o cardápio de forma alguma. Todos os pratos antigos tiveram um ajuste do chef Jonatã e virão ainda melhores. Tem novidade pra tudo.

Serviço:
Novo cardápio do Balada Bar e Petiscaria. Av. Xavier da Silveira, 936, Morro Branco. Tel.: 2010-1920.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários