Balanço

Publicação: 2017-12-03 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Estou na última coluna do ano e é hora de fazer um balanço do que aconteceu no futebol potiguar nesta temporada que foi pesada sob todos os aspectos e marcado por renúncias nos dois maiores clubes do RN, América e ABC e de quebra também no Potiguar. Foi uma temporada que marcou um enfraquecimento no nosso futebol e que precisa ser fortalecido a partir de agora. Ainda não chegamos, mas estamos perto do fundo do poço e todo o cuidado é pouco.

Balanço I


A primeira grande crise do ano apareceu no América com o fracasso estrondoso da gestão de Beto Santos, que em março renunciou. Uma gestão marcada pelo fracasso no futebol e que culminou com o rebaixamento para a Série D. Presidente do Conselho Deliberativo, José Rocha, assumiu, montou um grupo de futebol que teve pouco tempo para remontar o elenco, sem conseguir tirar o time do buraco para onde foi jogado.

Balanço II


Depois do acesso para a Série B em 2016, o ABC conquistou o bi-campeonato no inicio deste ano, mas fracassou nas demais competições, especialmente no Brasileiro onde fez uma péssima campanha e acabou sendo rebaixado para a Série C e mergulhado em uma grave crise política/administrativa e financeira, que acabou com a renúncia do presidente Judas Tadeu Gurgel e do vice, Rodrigo Salustino.

Balanço III


Um fato inédito no futebol do RN foi a paralisação dos jogadores do ABC que em assembléia decidiram pela greve como forma de pressionar o clube para o recebimento de salários atrasados, chegando ao ponto de existir um risco forte de WO que depois não aconteceu. O movimento foi enfraquecido com o clube pagando alguns atletas e fazendo com que voltassem ao trabalho.

Balanço IV

Em Mossoró, o presidente do Potiguar, Marcos Fernandes jogou a toalha e renunciou ao cargo, alegando incapacidade para gerir o clube que não tem apoio e que sofre com a falta de patrocínio. A responsabilidade de administrar o Time Macho, voltou para Benjamim Machado.

Balanço V


Mas como nem tudo foi ruim no nosso futebol, teve a campanha vitoriosa do Globo do treinador Luizinho Lopes que conquistou além de uma vaga na Copa do Nordeste no ano que vem, o acesso para a Série C. Uma campanha onde o Globo mesmo com poucos investimentos – contratou apenas o volante Reinaldo – teve a competência de subir, coroando o bom trabalho que Luizinho vinha desempenhando na Águia de Ceará-Mirim.

Balanço VI


E penso que nem tudo foi tragédia também na crise vivida pelo ABC. O clube descobriu que tinha em casa garotos com um bom potencial e um profissional em condições de assumir o comando técnico da equipe, Ranielle Ribeiro, na reconstrução do futebol alvinegro em 2018, quando apesar do rebaixamento, vai ter um calendário cheio e condições de planejar e trabalhar para minimizar a margem de erros.

Balanço VII

No América, diferente do que aconteceu neste ano, treinador Leandro Campos está tendo toda a estrutura para planejar o trabalho para o ano que vem. Começou a pré-temporada ainda em novembro, já começou trabalhar a parte técnico/tática, já tem programação de amistosos. O grade desafio de Campos no comando rubro será o de devolver o time para a Série C de 2019 e iniciar um caminho de retomada de crescimento. Já aprendeu que a Série D é dura, é cruel e não admite erros de avaliação.

Balanço VIII

No mais, 2017 está entrando na reta final e no aspecto profissional não tenho do que reclamar, não tenho do que me queixar. Foi mais uma temporada plena de muito trabalho e de conquistas, blog, no rádio onde mais uma vez foi escolhido o Cronista Top em pesquisa da Smart/ ACERN, aqui no jornal e na televisão com um Ibope fantástico.

Balanço IX

Claro que nem tudo foi perfeito. Mesmo com tantos anos de crônica esportiva, confesso que não lembro de uma temporada tão violenta e virulenta como a deste ano. Lógico que o crescimento das redes sociais trás este viés de intolerância de alguns e potencializa sentimentos de inveja, ódio, mágoas, prepotência e arrogância. Mas é do jogo! Obrigado aos bons, obrigado leitores, ouvintes, telespectadores e seguidores! Muito obrigado, e que 2018 venha com paz, saúde e sucesso!

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários