Blitz da Lei Seca termina com 70 habilitações apreendidas e 11 presos em Pium

Publicação: 2014-01-19 10:19:00 | Comentários: 6
A+ A-
Uma operação da Lei Seca, realizada na madrugada de hoje (19), foi concluída com saldo de 70 habilitações apreendidas e 11 pessoas presas por embriaguez ao volante, segundo o Comando da Polícia Rodoviária Estadual (CPRE). A barreira policial foi montada na Rota do Sol, em frente ao condomínio Alphaville, em Pium.

Um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) também foi registrado na Delegacia de Plantão da Zona Sul, em Natal, contra um homem que estava oferecendo um tipo de serviço diferente: passar pela blitz conduzindo o carro dos seus clientes, para que esses seguissem viagem depois.

A operação foi um trabalho conjunto do CPRE e do Detran. Ao todo, cerca de 30 homens, dos dois órgãos, trabalharam na abordagem aos condutores. “A barreira foi montada por volta das 22h30 e só acabou no início da manhã”, afirmou o soldado Nascimento. Ao todo, segundo ele, foram feitos cerca de 2.500 testes de bafômetros.

Além das notificações por direção sob efeito de álcool, foram registrados seis casos em que os motoristas não eram habilitados.

Os motoristas presos foram conduzidos à Delegacia de Plantão e liberados após pagamento de fiança. Os outros tiveram carteira recolhida e terão que pagar multa.

Lei Seca

A Lei 12.760, de 20 de dezembro de 2012, é comumente chamada de Lei Seca por tratar das restrições de consumo de bebida alcoólica por parte de condutores, prevendo penas para aqueles que infringem a legislação. A penalidade após autuação é multa de R$ 1.915,30, recolhimento da habilitação, suspensão do direito de dirigir por 12 meses, além da retenção do veículo.

A atualização da lei também afirma que, caso o motorista se negue a fazer o teste do bafômetro, poderá ser autuado e terá de preencher um questionário sobre sua capacidade psicomotora, que será indexado à autuação. Neste caso, o condutor também poderá ser encaminhado à delegacia. Com a lei, além do bafômetro, são admitidos vídeos e outras provas como o depoimento do policial, testes clínicos, e outros testemunhos, para provar a embriaguez do motorista.

A lei prevê ainda que, caso o motorista reincida na mesma infração dentro de um ano, o valor da multa será duplicado e poderá chegar a R$ 3.830,60, além da suspensão do direito de dirigir por doze meses.

continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários

  • ademirgladiador

    A ARRECADAÇÃO VAI MUITO BEM, OBRIGADO! Fico perplexo ao observar pessoas que se dizem favoráveis com esta famigerada Lei Seca. Infelizmente, a população brasileira se deixa manipular pela imprensa, a exemplo do que acontece com os BBBs da vida. A imprensa criou mito: acidentes no Brasil é causado pela ingestão de álcool, a população endossa e os políticos aplaudem. Lamentável. Na maioria dos países se permite ingerir uma ou duas taças de vinhos, uma ou duas cervejas, dois ou três chopp, etc., ou seja, há uma certa tolerância, mas em contrapartida, os motoristas participam de constantes treinamentos e se combate o EXCESSO DE VELOCIDADE, ULTRAPASSAGEM EM LOCAL PROIBIDO, FALTA DO USO DO CINTO DE SEGURANÇA, IMPERÍCIA DOS MOTOCICLISTAS E MÁS CONDIÇÕES DAS VIAS PÚBLICAS. Com isso, conseguiram reduzir drasticamente o número de acidentes. Aqui no Brasil, o interesse é exclusivamente econômico e só não vê, quem não quer.

  • wmilo

    parabéns a PM esse povo já sabe que não pode beber e dirigir e ficam desafiando as autoridades e a lei, alem de possivelmente causarem acidentes graves com vitimas fatais, arrocha!!!

  • higo.silva

    PARABÉNS A PM-RN! HONRAS A CORPORAÇÃO CPRE! Só acho errado uma coisa, era pra ficar preso, essa multa ja deveria ser 3.830,00 reais e 2 anos sem poder dirigir. Quantos e quantos acidentes aconteceram por embriagues ao volante causando a morte de pessoas inocentes, porque os bêbados não morrem 1, só quem não tem nada a vê é quem paga com a vida. E esses bandos de irresponsável que fica aqui denegrindo a imagem da polícia é porque querem tomar todas e sair matando. Cadeia em vocês cachaceiros fi dum a égua!!

  • eudespnascimento

    Deveria essa PM correr atrás de quem rouba veículos, isso com certeza não fazem. Só se preocupam em lei seca. que pobreza e despreraro desta turma.

  • bsbgassrn

    Parabéns à polícia. É possível moralizar as coisas quando se quer. Inclusive a violência no Estado. Quanto à embriaguês no volante deveriam fazer isso todos os dias em locais próximos a barzinhos e festas, inclusive com olheiros nos barzinhos.

  • ivan.galvao

    Deveriam mudar o titulo da matéria para ¨" GOVERNO ARRECADA QUASE R$ 140 MIL EM BLITZ DA LEI SECA" . Nesta blitz poderia estar portando cocaína ou armas ou ainda o carro roubado , pois não interessava. o real interesse era a arrecadação e a publicidade dos números. Não vejo nenhuma noticia de barreiras policias com outro objetivo no período. Afinal o que é mais grave, tomar duas cervejas e dirigir , ou assaltar, porta drogas e armas.