Natal
Blitz no litoral Sul prende 31 pessoas e apreende 122 CNHs
Publicado: 00:00:00 - 31/01/2012 Atualizado: 00:02:17 - 31/01/2012
Quem se dirigiu às praias do litoral Sul durante o final de semana passado certamente passou por postos policiais, onde blitzen eram realizadas. Ao primeiro sinal de ingestão de bebida alcoólica, os policiais militares não hesitaram em pedir pelo teste do bafômetro para aferir o nível alcoólico do condutor do veículo. Segundo o comandante-geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva, o modelo de atuação da corporação mudou do início do período do veraneio para cá. “No começo era mais no sentido educativo. Agora, a fiscalização está mais rigorosa e todos os carros estão sendo parados e os condutores passam pelo teste do bafômetro”, afirmou.
Blitz da PM é contínua na Rota do Sol, que liga Natal ao litoral Sul
Durante o final de semana passado, somente na barreira realizada próximo à praia de Pirangi, a PM apreendeu 122 carteiras de habilitação durante a fiscalização. Trinta e um motoristas foram flagrados com mais de 0,33 mg/l e foram conduzidos à Delegacia de Plantão para autuação. Outros 24 fizeram o teste do bafômetro, que registrou o índice de álcool no sangue mas inferior a 0,33 mg/l. Ainda 67 pessoas passaram pelo auto de constatação de embriaguez após se recusarem a fazer o exame e tiveram as CNHs recolhidas.

Outros 13 casos de transgressão ao Código de Trânsito foram registrados na barreira realizada. A fiscalização também foi abrangente na Polícia Rodoviária Federal. Trinta e uma pessoas foram detidas pela PRF durante o final de semana. Desse número, dezoito condutores foram autuados por embriaguez ao volante. A fiscalização  realizou ainda 508 notificações de trânsito, além de 327 testes do bafômetro.

A ação da PM no litoral Sul pegou de surpresa motoristas que voltavam das festas noturnas em Pirangi. Em locais próximos aos shows, a PM se manteve atenta e realizava bafômetros em motoristas que acabavam de deixar o local.

O reforço na ação de prevenção de acidentes teve como conseqüência um engarrafamento quilométrico e motoristas chegavam a desligar o carro aguardando pelo lento andamento da fila. Outra conseqüência foi a ausência de acidentes graves em decorrência da ingestão de bebida alcoólica. “É uma atividade que visa a preservação da vida. Tentamos, com isso, diminuir o risco de colisões”, afirmou o coronel Araújo.

‘Operação Verão’ diminui número de ocorrências

As ações do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), com a “Operação Verão”, têm mostrado uma queda do número de ocorrências atendidas pela PM em Natal e Região Metropolitana. Em 2011, foram registradas 1.625 ocorrências e 2012, até o dia 15 de janeiro, foram 462 casos, segundo informações da Subcoordenadoria de Estatística e Análise Criminal (Seac).

O secretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social, Aldair da Rocha, lembra que ao assumir o cargo, em janeiro de 2011, teve pouco tempo para planejar a “Operação Verão” daquele ano. “Nossos policiais estão com decibelímetros para medir a potência do som. Também temos atuado com barreiras para evitar que motoristas dirijam sob efeito do álcool, evitando acidentes e até mortes em nossas estradas”, disse.

O Corpo de Bombeiros, para o secretário , também tem feito um bom trabalho de proteção aos banhistas, com orientações, salvamentos e distribuição de pulseiras para identificar as crianças, para que sejam logo encontradas caso se percam dos pais em locais de maior movimentação. “É uma série de providências que tomamos, seguindo determinação da governadora Rosalba Ciarlini, para que o Rio Grande do Norte tenha um período de verão mais tranquilo e, felizmente, temos conseguido alcançar o resultado, graças ao empenho e ao profissionalismo dos nossos policiais e bombeiros militares”.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte