BNB contrata R$ 50 milhões em projetos de energia solar

Publicação: 2020-07-16 00:00:00
A+ A-
O Banco do Nordeste contratou, nos primeiros seis meses deste ano, R$ 50 milhões no âmbito do FNE (Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) Sol Pessoa Física. Num total de 1.687 operações. As contratações alcançaram valor médio de R$ 29,5 mil por operação. Somente no Rio Grande do Norte, o BNB aplicou R$ 4,2 milhões, valor distribuído em 151 operações de financiamento.

O FNE Sol Pessoa Física financia todos os componentes e instalação dos sistemas de micro e minigeração de energia elétrica fotovoltaica para fins residenciais com prazo de 8 anos para pagamento e carência de até 6 meses. Com o financiamento, que pode ser de até 100% do valor de equipamentos e instalação, o cliente troca uma conta mensal de energia elétrica por um investimento de médio ou longo prazo que possibilitará a geração da própria energia para consumo.

Um dos fatores que mais influenciaram a procura pelo financiamento é a plataforma de crédito especializado, por meio da qual o acesso ao crédito foi digitalizado e o cliente e vai à agência somente para assinar o contrato. 

O crédito concedido no âmbito do FNE Sol tem alguns diferenciais: obedece aos conceitos modernos de sustentabilidade, gerando energia limpa a partir de um elemento da natureza do qual o Nordeste se beneficia largamente. No litoral Leste do Rio Grande do Norte, por exemplo, registram-se cerca de 2 mil horas de sol por ano; no interior, o registro aproxima-se de 3 mil horas.

Com a efetivação do crédito e a consequente instalação de seu sistema próprio de energia, o cliente pode se beneficiar do sistema de compensação de energia elétrica. Nele, a energia injetada pela unidade consumidora com microgeração ou mini geração distribuída é cedida, por intermédio de empréstimo gratuito, à distribuidora local e posteriormente compensada com o consumo de energia elétrica ativa.