#Brouhaha: Secult/Funcarte lança no FLIN nova publicação

Publicação: 2017-11-11 01:09:00 | Comentários: 0
A+ A-
Em 30 de dezembro de 2008, a Funcarte publicava a 13a e última edição da Revista cultural Brouhaha, nome alusivo a um livro de poemas não publicado do grande mestre Câmara Cascudo. A revista  compunha o que havia de mais significativo nas artes e na cultura da cidade. Nove anos depois, a Brouhaha ressurge, acrescida à frente do nome de uma “hashtag”, simbolizando que agora ela nasce em versão virtual podendo ser lida, ouvida e assistida.  O lançamento será hoje, às 18h50, no FLIN. Mas, o leitor do Letras & Ideias, pode acessá-la utilizando o QRCode disponibilizado.

A primeira edição da #Brouhaha aborda a cultura popular, evidenciando algumas manifestações da cultura viva e pulsante da rua que vêm movimentando a periferia da cidade, seja no hip-hop, seja no grafite, só para citar dois movimentos; bem como retrata as rendeiras de Ponta Negra, que mantém vivas a tradição ibérica do uso dos bilro. 

Em outras página virtuais, os  leitores visitantes do FLIN poderão ver uma matéria que perpassa toda a história do Festival até chegar na edição que se encerra hoje., com uma matéria especial sobre Henfil.

Na apresentação da revista, as editoras, Sheyla de Azevedo e Cinthia Lopes - que estão acompanhadas do editor de arte Rodrigo Brum nessa nova empreitada - adiantam que a #Brouhaha se apresenta com o “mesmo espírito inovador com que surgiu no início dos anos 2000, mantendo o diálogo de sempre com artistas e realizadores culturais. “Mas agora ela volta seguindo uma tendência mundial e irreversível: deixa de ser apenas um veículo impresso para se tornar um veículo de convergência de mídias, apta a novas plataformas, adaptando sua leitura ao leitor e não o contrário”.  Nesse novo formato, não há restrições. O leitor tem a opção de imprimir a revista e manuseá-la a seu prazer. Mas, caso prefira acessá-la via celular, tablet ou computador, terá a possibilidade de ler, assistir, passear pela galeria de fotos e até mesmo ouvir um trecho disponibilizado em uma das matérias.

Quer acessar? Basta clicar na imagem abaixo:




continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários