Céu lilás, outubro rosa

Publicação: 2019-10-15 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Alex Medeiros
alexmedeiros1959@gmail.com

Pouco antes do furacão Hagibis atingir o Japão, matar 58 pessoas e deixar duas centenas desaparecidas, o céu da capital, Tóquio, mudou de cor adquirindo uma tonalidade roxa brilhante, e que logo provocou pensamentos místicos e declarações assustadas sobre presságios de origem divina ou avisos apocalípticos. As imagens que rodaram o mundo remetiam também a ilustrações de aventuras nos famosos mangás, os quadrinhos japoneses.

Alguns redatores na Europa arriscaram um jornalismo com licença poética para falar de um céu com originalidade nipônica, pintado em labaredas de cores no lilás que escapa das cerejeiras em flor que cobrem o país. Outros se remeteram a desejos espalhafatosos de uma ação holográfica de ativistas gays decorando um mundo cor de rosa. Houve quem apostasse que por baixo do lilás poderia vir uma invasão de unicórnios e ursinhos carinhosos alienígenas.

Mas, então, enquanto a vida real computava mortos e feridos, veio a fala dos cientistas para apagar as ilusões cromáticas. O fenômeno climático cobrindo o céu de Tóquio advém da dispersão de luz em partículas alteradas no tufão.

Tais mudanças de cores no céu ocorrem sempre momentos antes de tempestades como furacões, tufões e similares. Aconteceram, por exemplo, na Flórida e nas Bahamas durante os recentes furacões Michael e Dorian.

O fenômeno pode ser comparado com o som e se espalha também através de ondas, só que precisa de algum meio material como o ar ou a água para ser transmitido. E a luz é onda eletromagnética que pode se desolcar no vácuo.

A luz solar é composta por um infinito de ondas de diferentes comprimentos, ou seja, distâncias diferentes entre sucessivas duas cristas de uma onda só. Às vezes o tom violeta é o menor comprimento e no entanto se destaca na onda.

Na medida em que a luz solar atinge o planeta, as cores conseguem atingir a superície sem interrupções, então os comprimentos de onda mais curtos – como azul e violeta – são dispersos em todas as direções por moléculas de ar.

E é exatamente essa dispersão, batizada de Rayleigh, que provoca o fenômeno permanente do céu azul. Como o tufão causou condições adequadas, como a umidade, a cor mais difícil e menos potente apareceu.

No meio da aparente aquarela da natureza, o degradê do roxo-lilás-rosa não deixou no solo uma imagem bela e delicada. Foi um dos mais devastadores tufões dos últimos anos. E um céu a lembrar dos cuidados de um outubro rosa.

artigo


Lula antipenúltimo
Depois do vexame sem votos no Nobel da Paz, os sites e jornaistas petralhas resmungam em textos mais uma derrota de Lula. Há as mais esdrúxulas desculpas, inclusive suspeita de cartas marcadas no Comitê da Noruega.

Incêndios
É fogo no Amazonas, no Pará, em Roraima, Rondônia, Mato Grosso, Tocantins, Amapá, Santa Catarina, Portugal, Bolívia, Colômbia, Peru, até em Natal. Ou alguém segura Jair Bolsonaro ou ele incendeia esse planeta todo.

Precariedade
Pacientes e servidores da Maternidade Municipal Araken Pinto esperam há quase um ano os reparos no único elevador que utilizam no local. Reclamam também que na semana passada faltou até água para consumo de todos.

Abandono
A orla de Ponta de Negra, nas imediações do Hotel Esmeralda, é de situação vexatória, com lixo acumulado, crateras da erosão, sacos de areia amontoados e rasgados sem serventia para conter o avanço da maré alta. Uma feiúra só.

Guerra santa
O discurso provocador, às vezes escatológico, de organizações lgbt, como o de um vídeo que circulou até na Globo, conseguiu algo impensado durante anos: unir evangélicos e católicos, que responderam duramente também em vídeo.

Seis santas
Irmã Dulce não é a primeira brasileira santificada em Roma. Dos mártires de Uruaçu, cinco foram canonizadas: a filha de Antônio Vilela, a filha de Francisco Dias, duas filhas de Estevão Machado e a esposa de Manuel Rodrigues.

Alcodeslumbre
De Tom Cavalcante sobre Alcolumbre ir à Roma sem diárias: “Agora fiquei preocupado, como que essa criatura vai se alimentar, ter um lugar para dormir, tomar um banho. Com certeza, o Papa que tem um bom coração vai adotá-lo”.

Pular a cerca
A apresentadora Patrícia Abravanel, filha de Silvio Santos e esposa do deputado Fábio Faria, polemizou de novo SBT. Domingo ela defendeu que uma traiçãozinha é normal, e tanto a mulher quanto o homem devem perdoar.

artigo


Fagner no streaming
A Sony Music Brasil disponibilizou domingo passado 13 álbuns da discografia do cantor e compositor Raimundo Fagner nos aplicativos de música Spotify e Deezer, em comemoração pelo seu aniversário de 70 anos ocorrido no próprio domingo. O artista cearense festejou a data no show “Fagner, o Musical”, no Cineteatro São Luiz, em Fortaleza.





continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários