Canal Zap - 10/12

Publicação: 2019-12-10 00:00:00
A+ A-
Flávia Cirino
E-mail para esta coluna: canalzap@cartaznoticias.com.br

Fim das férias
A oportunidade para “Amor Sem Igual”, nova novela da Record, surgiu de uma hora para outra para Michelle Batista. De férias em Nova Iorque com a família, a atriz precisou se reorganizar para integrar o elenco da trama de Cristianne Fridman, que estreia nesta terça, dia 10. “Fiquei sabendo em cima da hora, mas casou certinho com o final das minhas férias. Fiquei muito feliz porque é uma personagem cheia de nuances e altos e baixos. Como atriz, é um trabalho muito rico”, explica. Na história, Michelle interpreta Maria Antônia, uma jovem que é completamente apaixonada pelo protagonista Miguel, de Rafael Sardão. No entanto, terá de lidar com a chegada de Poderosa, vivida por Day Mesquita. Essa rivalidade fará aflorar os sintomas de sua doença, o transtorno bipolar. “Ninguém fala que a Maria Antônia é bipolar, não há um diagnóstico. Eu sei porque a autora me contou. As pessoas falam que ela é geniosa ou cheia de altos e baixos. O conceito de bipolaridade ainda é algo muito novo. Ela é extremista, toma atitudes desmedidas e tem dificuldades para lidar com a rejeição”, afirma a atriz, que começou a pesquisar sobre a doença. “Estou lendo um livro bem técnico sobre o assunto. Mas acho que a maior referência é a vida real. Tenho alguém na minha família que sofre com transtorno bipolar”, completa. Aos 33 anos, Michelle ainda é bastante lembrada pelo trabalho na série “O Negócio”, da HBO, que terminou no ano passado. “Foi uma série pioneira. Em 2013, quando começamos, não havia tanta produção de série. Foi um ‘start’ e um projeto que apresentou mulheres empoderadas, feministas e que defendiam seus corpos. A série conversou muito com a atualidade”, valoriza.

Com frieza
Aílton Graça fará uma rápida participação em “Salve-se Quem Puder”, nova novela das sete da Globo. Na história, ele viverá o juiz Vitório, um profissional conhecido pelo trabalho de combate à corrupção. Em Cancún para um congresso, o personagem será assassinado por Dominique, interpretada por Guilhermina Guinle. O folhetim tem estreia prevista para 27 de janeiro.
 
Novos tempos
A Globo encerra, nesta terça, dia 10, a segunda temporada de “Filhos da Pátria”. No último episódio, Geraldo Bulhosa, papel de Alexandre Nero, terá de assumir as falcatruas do Palácio do Catete. Ele fará de tudo para amenizar sua pena diante de seu julgamento. A família Bulhosa verá uma passagem de tempo e chegará a 1937. Nas ruas, eles verão Getúlio Vargas decretar o Estado Novo.
 
Um novo amor
O elenco de “As Aventuras de Poliana”, do SBT, ganhará um novo integrante. Paulo Américo irá entrar na trama de Íris Abravanel. Na história, ele interpretará Henrique, um sociólogo que fará parte do quadro de professores da escola Ruth Goulart. Paulo irá integrar o núcleo da comunidade Bem-Te-Vi, despertando o interesse de Gleyce, papel de Maria Gal. “Estou muito feliz de ser inserido nesse universo tão bonito, e ajudar a contar essa história com um personagem com uma representatividade tão forte, está sendo lindo, prazeroso e desafiador”, vibra.
 
Realidade na tela
A série “Arcanjo Renegado”, novo original Globoplay, estreia em fevereiro do ano que vem. A produção é dirigida por Heitor Dhalia e criada por José Junior. Marcelo Melo Jr e Dani Suzuki integram o elenco.

Olhando para fora
A distribuição internacional de conteúdos originais da Unidade Infantil do Grupo Globo alcançou o marco de 95 países em 2019.





Deixe seu comentário!

Comentários