Política
Candidatos dão prioridade à campanha na zona Norte
Publicado: 00:00:00 - 05/09/2012 Atualizado: 23:03:40 - 04/09/2012
De olho no voto dos mais de 144 mil eleitores da zona norte de Natal, os candidatos à prefeito de Natal estão focando suas caminhadas e carreatas nessa região da cidade. Nas duas últimas semanas, os bairros da zona norte são o foco, principalmente, das  campanhas majoritárias do PDT, PMDB e PT que ocupam as três primeiras posições das pesquisas de opinião.  E não é por menos: a zona norte é o maior colégio eleitoral do município.

Além disso, segundo pesquisa Certus/TRIBUNA DO NORTE, registrada sob número 00071/2012 nessa região da cidade, na sondagem estimulada, 21,72% dos eleitores afirmam que não sabem em quem vão votar. Já na sondagem espontânea 31,03% dos eleitores da zona norte  declaram que não sabem em quem vão votar. Ontem, o candidato do PMDB, Hermano Morais, percorreu as ruas do Nova Natal e Gramoré, e o do PT, Fernando Mineiro, caminhou pelas ruas do Jardim Progresso.

O candidato do PDT, Carlos Eduardo, tinha caminhada nos loteamentos Nova Jerusalém e Câmara Cascudo, e no conjunto Cidade Praia, mas cancelou a atividade devido à chuva que caiu durante parte da tarde.

Hermano Morais chegou ao conjunto Nova Natal por volta das 17h. Ele disse que tem intensificado as atividades na zona norte, “não apenas por ser a região mais populosa, mas por ser a mais carente e necessitada da cidade”.

Por recomendação médica, devido a cirurgia que foi submetido, o candidato está evitando as caminhadas. Ontem, preferiu uma carreata, que passou por várias ruas dos dois bairros. Na zona norte, segundo relatório emitido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN), em julho, a maior parte do eleitorado  concentra-se em bairros como Potengi e Lagoa Azul, com cerca de 60 mil e 30 mil pessoas aptas a votar cada um, respectivamente.

Os tradicionais bairros de Igapó e o da Redinha somam quase 22 mil eleitores. Pajuçara possui mais de 15 mil votantes e Nossa Senhora da Apresentação fica próximo de 14 mil. A 32 dias das eleições, as mobilizações devem ser ainda mais intensificadas, na zona norte, nas próximas semanas.

Na zona norte, 32,38% dos entrevistados pela pesquisa de opinião declararam “muito interesse” na campanha eleitoral e 51,25 “pouco interesse”. Um total de 14,12% dos entrevistados disseram que não tem interesse nenhum na campanha. Os “interessados” estão em percentual mais elevado do que nas demais regiões da cidade. Nas ruas dos conjuntos da zona norte, onde as mobilizações aconteciam ontem a tarde, a participação dos moradores nas caminhadas  e a interação com os candidatos era pouco. A maioria das pessoas que acompanhava as caminhadas era militantes, candidatos  a vereadores e cabos eleitorais.

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte