Ceará aposta que frutos com a Copa serão ‘duradouros’

Publicação: 2013-11-06 00:00:00
A+ A-
Outro estado nordestino que participou do WTM (World Travel Market), a maior feira de turismo da Europa, que acontece em Londres, foi o Ceará. “Esta é a segunda vez que venho ao evento representando o estado e o que notei foi que este ano as perguntas são mais direcionadas, as pessoas que param realmente querem saber mais e o interesse pelo Brasil é bastante evidente. Pelos contatos que já fiz desde o primeiro dia do evento, acredito que vai render mais negócios e projetos do que anos anteriores’, comemora Andréa Feijó, assistente técnica de Promoção e Marketing da Secretaria de Turismo do Ceará. Com oito milhões de habitantes, três deles na sua capital, Fortaleza, o Estado espera que os frutos de um evento como a Copa do Mundo possam ser mais duradouros do que o período das partidas de futebol.
Estande do Brasil na feira de Turismo realizada em Londres: O Rio Grande do Norte não foi citado na programação do evento
“Fortaleza teve o primeiro estádio do Brasil a ficar pronto para os jogos da Copa de 2014. E vejo as pessoas se mobilizando em diferentes áreas. No momento, por exemplo, grupos de artistas estão pensando quais itens de artesanato podem ser produzidos para a venda. Mas outros projetos reutilizando as áreas construídas para acomodar o evento já estão programados mesmo para quando os jogos acabarem. Vai ser um legado que o esporte vai deixar para a cultura”, disse Andréa.  

‘A pergunta que mais ouvimos é o que fazer no Brasil durante a Copa, por isso estamos nos preparando para atender aos dois tipos de turistas que estão sendo esperados no país no ano que vem em virtude do período esportivo: o torcedor que vai por causa dos jogos e o visitante que vai usar a Copa como um motivo a mais para ir ao Brasil’ – explica Delma de Andrade, da Embratur.

Cerca de 600 mil visitantes são esperados no Brasil para a Copa.  Delma diz acreditar que o país está mais do que preparado para receber estas pessoas vindas dos mais diferentes cantos do globo.

‘Uma prova de que estamos no caminho certo quanto aos preparativos é o resultado obtido com a Copa das Confederações, onde 97% do público entrevistado revelou intenção de voltar ao país. Este é o momento do Brasil, e estamos trabalhando para que ele atenda todas as expectativas’, finaliza.


Deixe seu comentário!

Comentários