Chuvas deixam ruas alagadas e provocam abertura de crateras em Natal

Publicação: 2018-02-14 16:55:00 | Comentários: 0
A+ A-
As fortes chuvas no período do Carnaval em Natal, acentuadas principalmente nesta quarta-feira de Cinzas, deixaram várias ruas alagadas e ocasionou na abertura de pelo menos duas crateras na Zona Norte da capital potiguar. 

Rua Vulpiano Cavalcante, em Igapó, ficou interditada após a abertura de uma cratera
Rua Comandante Balduíno, em Nossa Senhora da Apresentação, ficou interditada após a abertura de uma cratera

Uma delas foi na Rua Vulpiano Cavalcante, no bairro de Igapó. Uma tubulação rompeu e causou pequenos transtornos no trecho. A outra foi no bairro Nossa Senhora da Apresentação, na Rua comandante Balduíno. De acordo com o secretário de defesa civil de Natal, João Paulo Mendes Sales, as providências já foram tomadas imediatamente após a ciência das ocorrências e os órgãos responsáveis, Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) e Secretaria Municipal de Obras Públicas e infraestrutura (Semov) já foram acionadas. No caso da rua Comandante Balduíno, não foi possível fazer a drenagem, pois as bocas de lobo estavam todas obstruídas com areia.

A defesa civil da cidade do sol registrou também inúmeros alagamentos em vários pontos da cidade, mas a zona norte foi a região que mais apresentou incidências de ruas repletas de água. A lagoa de captação de Santarém atingiu o nível máximo com as chuvas, mas o secretário garantiu que as bombas de sucção foram ligadas e que a água escoou para a lagoa localizada no bairro Potengi.

Outro lugar que também registrou alagamentos em várias regiões foi a cidade de Parnamirim, região metropolitana de Natal. Um vídeo nas redes sociais mostrou um dos trechos principais do Trampolim da Vitória, a avenida Getúlio Vargas, completamente alagada, praticamente sem trânsito de automóveis, que evitaram a rua. Em Nova Parnamirim, a Rua Albertino, não pavimentada, também ficou cheia de água, que chegou a invadir residências do local. A rua Olavo Montenegro, também no mesmo bairro, foi outra que apresentou alagamento e gerou dificuldades no fluxo de automóveis na região.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários