Ciosp e CDL Natal ampliam parceria

Publicação: 2018-03-13 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Yuno Silva
Repórter

O videomonitoramento tornou-se um item fundamental para reforçar a segurança pública em qualquer lugar do mundo, e desde o mês de outubro de 2017 o número de câmeras privadas que passaram a gerar imagens para o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública triplicou: a quantidade de equipamentos vinculados ao Ciosp saltou de 99 para 305, e a meta do projeto “Conectados com a Segurança” é alcançar a marca de 1 mil equipamentos até outubro deste ano. A iniciativa é uma parceria da Câmara de Dirigentes Logistas de Natal (CDL-Natal) com a Secretaria de Estadual de Segurança Pública e Defesa Sociais (Sesed).

Policiais acompanham o monitoramento no Ciosp. Até o momento foram interligadas mais de 200 câmeras privadas ao sistema
Policiais acompanham o monitoramento no Ciosp. Até o momento foram interligadas mais de 200 câmeras privadas ao sistema

A estrutura do Ciosp pode gerenciar imagens de até 10 mil câmeras de segurança, mas até o momento apenas 3% dessa capacidade está em uso. E para dar fôlego extra à iniciativa, a partir de agora os equipamentos instalados por pessoas físicas também poderão fazer parte da rede de videomonitoramento. A ampliação da parceria entre CDL-Natal e Sesed/Ciosp, antes restrita à câmeras de segurança mantidas por empresas, visa contribuir com o trabalho das polícias Civil e Militar – e consequentemente com a segurança da população.

Para disponibilizar as imagens ao Ciosp, de câmeras instaladas em residências e estabelecimentos comerciais voltadas para as ruas e calçadas, e aderir ao projeto, basta entrar em contato com a CDL-Natal para agendar visita de um técnico que fará a avaliação de viabilidade técnica; é preciso que o equipamento esteja conectado com a internet e tenha uma resolução mínima satisfatória.

“O processo de integração das câmeras de segurança está em curso desde outubro do ano passado. Até o momento foram interligadas mais de 200 câmeras privadas ao Ciosp, e outros 500 equipamentos estão sendo preparados para atender os requisitos básicos de integração”, informou a CDL-Natal através de sua assessoria de imprensa.

O custo para adaptar e interligar os equipamentos varia de acordo com a estrutura já disponível. “Quanto mais câmeras melhor. A meta é chegar em outubro próximo, quando a parceria da CDL-Natal com o Ciosp/Sesed completará um ano, com 1 mil equipamentos integrados. Queremos interligar Natal toda”, acrescentou a assessoria da Câmara de Dirigentes Logistas de Natal.

A ampliação do termo de cooperação firmado em 2017, que à princípio estava restrito à pessoas jurídicas, foi anunciada na última sexta-feira (9). “É preciso que todos se conscientizem da importância de se contribuição com a segurança. A adesão ao projeto 'Conectados com a Segurança' é muito simples, não tem custo (para equipamentos que atenderem os requisitos básicos) para o empresário nem para o cidadão: basta informar o endereço da URL das câmeras de monitoramento instaladas em estabelecimentos comerciais ou residencias para o Ciosp que teremos acesso as imagens”, explicou a delegada Sheila Freitas, titular da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social.

“Essa iniciativa é de grande relevância para reforçar a segurança de Natal”, completou a secretária.

Efeito prático
O presidente da CDL-Natal, Augusto Vaz, lembrou que quando o termo de adesão ao projeto “Conectados com a Segurança” é assinado, são cedidas não apenas as imagens online como também as que ficam gravadas – ficando, assim, a Polícia Civil autorizada a ter acesso às gravações para auxiliar nos procedimentos de investigação.

Vaz explicou que “as imagens gravadas dos 500 equipamentos que ainda não estão online com o Ciosp, poderão ser solicitadas” em caso de necessidade, pois o termo de adesão já é válido. O presidente reforçou que o objetivo é chegar até o final de outubro de 2018 com 1 mil câmeras interligadas ao Centro Integrado de Operações de Segurança Pública.

Augusto Vaz acredita que, a partir dessa quantidade de equipamentos integrados, será possível gerar um efeito prático mais relevante, “e apresentar resultados reais na solução de ocorrências policiais. Com as 1 mil câmeras online no Ciosp, teremos boa parte da cidade mapeada, permitindo o acompanhamento em tempo real do que está acontecendo. Tenho certeza que os impactos na segurança pública serão positivos”, afirmou.

Para prevenir ocorrências policiais nos estabelecimentos que aderirem ao projeto, será fixada placa informativa identificando que aquele determinado estabelecimento possui câmeras de segurança interligadas com o Ciosp. A secretária Sheila Freitas, da Sesed, assegura que a identificação irá “inibir” atitudes criminosas.

Interessados em aderir ao projeto “Conectados com a Segurança” podem entrar em contato com a CDL-Natal através do telefone 4009-0000, ou pelo email segurança@cdlnatal.com.br.

Números
Câmeras de segurança interligadas ao Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp)
206
equipamentos privados
30 câmeras instaladas pela Sesed
30 câmeras sob responsabilidade da Prefeitura de Natal
09 equipamentos da Prefeitura de São Gonçalo do Amarante
30 câmeras integradas a partir de convênio com Banco Itaú

305
total de equipamentos de  videomonitoramento integrados ao Ciosp

10 mil capacidade de câmeras que podem ser gerenciadas pelo Ciosp


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários