Clubes e atletas são punidos por confusão no PotiBa

Publicação: 2014-04-15 10:09:00 | Comentários: 0
A+ A-
O TJD-RN, através de sua Primeira Comissão Disciplinar, julgou a confusão generalizada durante o clássico entre Potiguar e Baraúnas, no estádio Nogueirão, no dia 06 de abril, e puniu os dois clubes e os atletas envolvidos na briga, que acabaram expulsos pela arbitragem.
Cesar Alves/De FatoProvocações de Vavá, após marcar o gol da virada no clássico, transformou o campo num ringueProvocações de Vavá, após marcar o gol da virada no clássico, transformou o campo num ringue

Responsáveis pelo início de todos os problemas, o atacante Vavá, do Potiguar, e o meia Vaninho, do Baraúnas tomaram os ganchos mais pesados.

Vavá, que "metralhou" a torcida adversária, foi punido com 12 jogos de suspensão. Já Vaninho, que desferiu uma voadora em Vavá, pegou dez jogos. Os demais atletas tanto de Potiguar quanto de Braúnas pegaram oito jogos cada. Álvaro, Flávio Leite, Renatinho Carioca, Kaká e Felipe Espada, pelo lado do Leão do Oeste e Michael, Everaldo, Rogério pelo Time Macho.

Além dos altetas, o Baraúnas, mandante da partida, perdeu cinco mandos de campo e foi multado em R$ 5 mil. O Potiguar terá que pagar multa de R$ 10 mil.

A confusão

A confusão no clássico começou quando o atacante Vavá marcou o gol da virada do Potiguar. A partida acabou em 2 a 1 para o alvirrubro, mas, na comemoração, o jogador resolveu partir em direção às arquibancadas onde estava a torcida do rival e fazer o gesto de "metralhar" os torcedores. Os atletas do Baraúnas se irritaram com a provocação e partiram para cima de Vavá antes do árbitro punir o atacante. O primeiro a chegar no jogador foi o meia Vaninho, que aplicou um chute no ar e a partir daí a confusão generalizada começou e se estendeu até que e Polícia Militar pudesse conter os ânimos exaltados. Até dirigentes das duas equipes invadiram o gramado do estádio. Ao final, o árbitro expulsou nove atletas, quatro do Potiguar e cinco do Baraúnas.

continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários