Cookie Consent
Natal
Colonoscopia pelo SUS tem novas regras em Natal
Publicado: 00:00:00 - 23/11/2017 Atualizado: 23:19:43 - 22/11/2017
A realização de exames de colonoscopia, procedimento adotado para o diagnóstico precoce de câncer de intestino, pela rede municipal de assistência à saúde tem novas diretrizes desde ontem (22). A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) divulgou a nota técnica nº 03/2017 no Diário Oficial do Município de hoje, regulamentando a solicitação e realização do exame, também conhecido.  Atualmente, há cerca de quatro mil solicitações em aberto em Natal.

Conforme o documento, todas as solicitações de colonoscopias feitas no município serão reguladas apenas com a comprovação de teleconsultoria e autorização do Telessaúde-RN, programa que fornece apoio assistencial e consultoria aos profissionais de saúde. Sendo autorizado o exame, o médico solicitante deve entregar a guia de referência do paciente ao serviço de regulação municipal.

As novas regras foram definidas pelos departamentos de Atenção Básica (DAB) e de Regulação e Auditoria (DRAC) da SMS após a constatação de inúmeras solicitações em fila de espera sem dados clínicos suficientes que justifiquem a sua regulação de forma criteriosa. 

Além disso, a partir de hoje, todas as solicitações de colonoscopias com mais de seis meses de espera no Sistema de Regulação (Sisreg) serão negadas sob a justificativa de reavaliação do quadro clínico dos pacientes em suas unidades de saúde de referência. Além da avaliação da mucosa intestinal e do calibre do órgão, o exame permite a coleta de material para exame histopatológico (biópsia) e procedimentos como a retirada de pólipos (polipectomia), descompressão de volvo intestinal e hemostasia de lesões sangrantes.


Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte