Com início definido, confira balanço dos potiguares que disputarão a Série D

Publicação: 2020-07-12 00:00:00
A+ A-
Com a confirmação do início da Série D para o próximo dia 6 de setembro, os dois clubes potiguares que ainda não haviam iniciado sua movimentação: Globo e Potiguar, já traçam metas visando a preparação, não apenas para competição nacional como para disputar o restante do Campeonato Potiguar, que está previsto para ser retomado na primeira semana de agosto. América e ABC, que possuem compromissos pela Copa do Nordeste, que irá largar mais cedo, dia 21 de julho, já estão em pleno período de atividades.

Créditos: Reprodução/TV MecãoRoberto Fernandes traça plano de trabalho para inter temporadaRoberto Fernandes traça plano de trabalho para inter temporada

“Para o tempo de inatividade que o grupo teve e a resposta que os atletas deram durante esse tempo de dez dias, foi uma evolução extremamente satisfatória. Mas precisamos ter consciência de que estamos vivendo uma situação inédita no Brasil, aonde os atletas ficaram mais de cem dias inativos, que é diferente de quando eles entram em férias, por ser um período infinitamente menor e ainda assim o jogador não é obrigado a parar, por que está liberado para dar uma corrida, jogar uma pelada. Dessa vez foram mais de três meses em quarentena, dentro de um isolamento social", destacou Fernandes.

É dentro desse contexto que o comandante alvirrubro avalia o teor do trabalho realizado e a evolução dos jogadores e se mostra satisfeito com que viu em Pernambuco.

Apesar dos reforços que chegaram, o treinador acredita que as mudanças realizadas foram apenas em peças e posições consideradas carentes, portanto o grupo mudou muito pouco em relação aquele que vinha disputando as competições antes da paralisação total. Então destaca que neste momento, o mais importante é que os jogadores comecem a entender o modelo de jogo que ele pretende adotar.

"Eles necessitam entender o conceito de função que cada um terá dentro de campo, quando ocorreu a parada estávamos justamente trabalhando isso e com o retorno, pelo menos nessa parte inicial a preocupação foi muito fincada com a questão física dos atletas. Nesses primeiros jogos após a volta, o que deverá definir a escalação do grupo principal não será a questão técnica, mas sim a física, já tivemos atletas que sofreram lesões, outros que vêm demostrando um nível de fadiga grande depois de nove dias de trabalho e tudo isso será levado em consideração neste momento", ressaltou Roberto Fernandes.

ABC
No ABC a meta do treinador Francisco Diá é correr atrás do tempo perdido e colocar o grupo minimamente em condições de enfrentar o CSA, pela última rodada da fase de classificação da Copa do Nordeste. A equipe que chegou na sexta-feira a Salvador, vai aproveitar a estada na capital baiana para melhorar a questão física.

Créditos: Alex Régis

Como o confronto diante dos alagoanos está marcado para o dia 22 de julho, a comissão técnica terá dez dias de prazo para deixar o grupo em condições de disputar um confronto que é decisivo para o Alvinegro. 

Caso vença, os potiguares estarão classificados para segunda fase da competição regional e irão garantir ao clube mais uma injeção financeira no caixa, que será importante para colocar as contas em dia.

Como o risco de contusão no elenco é grande, o ABC reforçou o grupo de fisiologistas e médicos, uma vez que a partida deverá exigir muito da equipe. Ela irá ter pela frente um oponente que está 15 dias na frente em questão de treinamento, fato que costuma pesar muito neste período de “reestreia”.

Globo
No outro clube potiguar que ainda não retomou os trabalhos, Globo, o treinador Renatinho já programou a reapresentação do grupo para amanhã, quando os trabalhos serão iniciados com a realização dos testes para Covid-19. A meta é que até a próxima quarta-feira todos integrantes do elenco e da comissão estejam testados e já separados em grupos. O método de exame escolhido pela diretoria foi o mesmo utilizado por ABC e América, considerado o mais seguro.

Créditos: Junior SantosAntes meia, Renatinho segue no comando técnico do GloboAntes meia, Renatinho segue no comando técnico do Globo

“Acredito que esse processo vai acabar até a quarta-feira e como a liberação dos treinos vai ocorrer no dia 15, pretendemos definir o planejamento dos treinos físicos. Essa primeira fase, até a nova liberação do governo do RN para trabalhos em grupo, iremos focar os treinos de força. Se o Campeonato Potiguar for mesmo reiniciar na primeira semana de agosto, teremos pouco tempo de preparação, mas ainda assim só pretendo começar a trabalhar em coletivos, após, pelo menos, dez dias de preparação”, antecipou.

Uma das coisas que mais preocupa a comissão técnica do Globo neste processo de retorno, é o alto número de contusões que costuma ocorrer nos trabalhos de pré e inter temporadas. Renatinho disse que conseguiu manter apenas a equipe base e salientou que a perda de qualquer peça irá significar um prejuízo muito grande para equipe nas competições.

“Conseguimos manter o nosso elenco principal completo, tivemos de nos desfazer de algumas peças, mas eram as que chamamos de reposição. O América, em praticamente uma semana de trabalho, já perdeu dois atletas. Aqui não podemos correr esse risco, nosso elenco é contado. Já o América possui um elenco vasto e não sentirá tanto”, observou Renatinho.

Como esteve dentro das quatro linhas até recentemente, Renatinho sabe como é essa questão de inter temporada, ele disse que na busca de garantir uma vaga na equipe principal, os atletas entram com tudo e acabam se prejudicando.