Convenções e articulações

Publicação: 2018-07-13 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O período das convenções partidárias, que vão homologar as candidaturas para as eleições deste ano, inicia no dia 20 de julho e vai até 16 de agosto. As campanhas poderão começar, oficialmente, nas ruas, onze dias depois. Com isso, os pré-candidatos e dirigentes dos partidos intensificam as conversas  sobre a formação de alianças e confirmação de nomes para as chapas majoritárias e proporcionais.

Exoneração do cargo
A jornalista Estella Dantas deixou o cargo de secretária estadual de Relações Institucionais. Neste cargo, ela tinha a atribuição de fazer a articulação com deputados e prefeitos. Agora Estella Dantas vai se dedicar integralmente à candidatura à reeleição do deputado federal Fábio Faria (PSD).

Datas definidas
O PSDB marcou a convenção estadual para o dia 29 de julho. O PDT também definiu a data de convenção do partido no Estado, 4 de agosto.

Condenação e recurso
Pré-candidato a presidente pelo PRB, o empresário Flávio Rocha foi condenado por injúria contra a procuradora do Trabalho, Ileana Neiva Mousinho. Ele teria cometido a injúria nas redes sociais. O juiz federal Walter Nunes da Silva Júnior absolveu o empresário das acusações de coação e calúnia.  O advogado de Flávio Rocha afirmou que entrará com recurso contra a condenação. “Como já era esperado, Flávio Rocha foi absolvido das acusações criminais feitas pela autora, exceto de uma, que se limitou em fixar multa em 10% do valor pedido. A defesa segue confiando na Justiça e recorrerá para que o TRF anule a multa”, disse o advogado Marcellus Pinto.

Adiantamento tático
O PSB adiou a data para a reunião da Executiva Nacional que seria na próxima segunda-feira, na qual o partido poderia anunciar um indicativo de apoio a Ciro Gomes (PDT). As tentativas de dissuadir o PSB se intensificaram. Além disso, um fato novo que influenciou o adiamento foi a decisão do governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), que anunciou, ontem, o apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Diálogo internacional
O vice-presidente da Fecomércio, Jair Urbano de Queiroz, recebeu, na sede da entidade, o embaixador da Tailândia no Brasil, Surasak Suparat. Durante a reunião foram apresentados à comitiva tailandesa algumas das potencialidades do Estado, como a vocação para o turismo. O diplomata está ao RN em missão oficial, com o intuito de dialogar sobre oportunidades de investimentos e cooperação entre a Tailândia e o RN. O embaixador vai à Fiern nesta sexta-feira.

Pedido de liberação
Coordenador da bancada federal do RN, o deputado federal Felipe Maia (DEM) solicitou reunião de urgência com o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, nesta quinta-feira (12). Na ocasião, requisitou a liberação de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), para rever a situação do Porto-Ilha de Areia Branca, que foi interditado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), devido a pendências no processo de regularização ambiental.

Recursos à pesquisa
A Comissão de Educação, Ciências e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Social da Assembleia Legislativa discutiu, com o Fórum dos Reitores, soluções para a situação financeira da Fundação de Apoio à Pesquisa do Rio Grande do Norte (Fapern). O resultado da discussão será enviado à Comissão de Finanças e Fiscalização e à Secretaria Estadual de Planejamento. O objetivo é incluir a fundação nas metas e prioridades do Governo Estadual na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Atendimento na câmara
O presidente Michel Temer foi atendido rapidamente no departamento médico da Câmara dos Deputados na tarde desta quinta-feira, 12, para realizar um procedimento estético. De acordo com a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto, Temer tirou uma verruga do rosto que ficava próxima ao olho, que o incomodava. O procedimento foi simples, durou cerca de 20 minutos e não estava programado.

Prazo dos eleitores
Começa na próxima terça-feira o período para os eleitores solicitarem à Justiça Eleitoral a transferência temporária dos locais de votação nos primeiro e segundo turnos. O período de solicitação vai até o dia 23 de agosto e a transferência pode ser realizada em qualquer Cartório Eleitoral do país. Mas apenas os eleitores que se enquadrarem nas seguintes situações podem requerer a transferência:  Em trânsito no território nacional; com deficiência ou mobilidade reduzida; membros das Forças Armadas, Polícias Federal, Civis e militares, Corpos de Bombeiros e Guardas Municipais, que estiverem em serviço por ocasião das eleições; e presos provisórios e adolescentes em unidades de internação.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários