Coordenador afirma que Planejamento é prioridade

Publicação: 2014-11-05 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O coordenador da equipe de transição do Governo Robinson Faria, o vice-governador eleito Fábio Dantas, disse que a primeira preocupação do trabalho será com a área de Planejamento, já que a partir das informações remetidas serão desenvolvidos os projetos da próxima administração. “A primeira pasta que vamos analisar é o Planejamento, a gestão financeira do Estado e a partir daí entramos na parte operacional de cada secretaria”, destacou.
Júnior SantosEquipe de transição tem o primeiro encontro na Escola de Governo, onde serão feitas as reuniõesEquipe de transição tem o primeiro encontro na Escola de Governo, onde serão feitas as reuniões

Ontem ocorreu a primeira reunião do grupo de trabalho. Fábio Dantas afirmou que toda atividade será centralizada na Escola de Governo, onde os 12 integrantes trabalharão diariamente. “Tudo será feito aqui. Todo grupo de trabalho vai se reunir e os membros do Poder Executivo virão para atender nossas demandas, nossos pedidos de informações”, detalhou. Mas ele ponderou que o ritmo da atividade dependerá das respostas da atual gestão. “O trabalho só terá continuidade na medida que as informações forem chegando”, frisou. Fábio Dantas comentou que a partir da transição será delineado o trabalho da equipe de governo. “Estamos colhendo as informações da gestão atual para ter o diagnóstico do Estado, da forma que o Governo se encontra, e a partir daí vamos fazer as políticas públicas da nova gestão”, ressaltou.

O coordenador da equipe de transição disse ainda que já conversou com o secretário chefe da Casa Civil, Carlos Augusto Rosado. No primeiro encontro foi definido que todos os pedidos serão centralizados na Casa Civil, que encaminhará à pasta competente e também remeterá a resposta aos auxiliares indicados por Robinson Faria.

Sobre as dívidas da atual gestão e a renegociação, o vice-governador eleito analisou: “toda gestão tem um passivo. Queremos saber a dimensão desse passivo e saber a forma que iniciaremos a gestão. Nosso foco é como essas informações chegarão”. Ele lembrou ainda que o balanço do último ano do Governo Rosalba só será apresentado em abril. “Vamos colher informações, mas o fechamento do balanço só no dia 31 de dezembro. Ainda há dois meses de gestão. A definição só teremos com a conclusão do mandato e a entrega do balanço que será em abril”, completou.

Fábio Dantas disse ainda que o encontro de ontem teve como objetivo “colher diretrizes para formatar o trabalho”. “Não há definição real daquilo que será conclusivo nesse processo. Vamos ouvir a todos, dialogar com todos os membros da equipe”, ressaltou.

continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários