Covid-19: entre três maiores hospitais de Natal, somente um tem leito de UTI disponível

Publicação: 2021-02-21 08:12:00
Dos 84 leitos de UTI voltados ao tratamento de pacientes com covid-19 nos maiores hospitais públicos de Natal, somente um está disponível na manhã deste domingo (21). É o que aponta o portal Regula RN. Os leitos dos Hospital Colônia João Machado e do Hospital de Campanha de Natal estão completamente lotados, enquanto o Giselda Trigueiro tem somente um dos 26 leitos disponível. Ao todo, a ocupação de leitos críticos no Rio Grande do Norte é de 84,4%.
Créditos: Divulgação/LIGAOcupação de leitos está em situação críticaOcupação de leitos está em situação crítica

Mais uma vez, a ocupação dos leitos críticos destinados ao tratamento de pacientes com a covid-19 na Região Metropolitana de Natal superou os 90%. No início da manhã deste domingo, havia mais pessoas na fila de regulação para irem a leitos de UTI do que vagas para a terapia intensiva. Eram 26 aguardando pela internação, enquanto havia 24 vagas disponíveis.

Mesmo com a abertura de novos leitos críticos, o percentual de ocupação não demonstrou queda significativa no Rio Grande do Norte. Ao todo, 270 leitos estão sob utilização exclusiva para pacientes críticos com covid-19 no estado, com 222 ocupados, sete bloqueados e 41 disponíveis. Treze hospitais estão com ocupação total.

No Hospital de Campanha de Natal, que teve novos 10 leitos abertos na semana passada, todos os 30 em funcionamento estão ocupados. Situação idêntica ao João Machado, que está com todos os 29 leitos com pacientes graves.

No estado, a situação menos grave é a do Seridó, que tem ocupação de 71,4%, seguido pelo Oeste, com 79%.