Da pesca para o prato, em Baía Formosa

Publicação: 2018-01-12 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Tádzio França
Repórter

Rota muito apreciada pelos admiradores das belezas do litoral potiguar, Baía Formosa também prova que tem sabor. É o que vai mostrar mais uma vez na 9ª edição de seu Festival Gastronômico, agitando o balneário de sexta até domingo com uma de suas programações mais caprichadas. Além dos restaurantes, bares e chefs, terá uma grade de shows com direito ao mestre Geraldo Azevedo no dia 14. O litoral sul estará mais azeitado em todos os sentidos.

Município praiano de Baía Formosa tem ingredientes em abundância e  belezas naturais de potencial turístico. Festival está no 9º ano
Município praiano de Baía Formosa tem ingredientes em abundância e  belezas naturais de potencial turístico. Festival está no 9º ano

A primeira inovação do festival para 2018 será o tema: antes, sempre focado no peixe albacora, ampliou os ingredientes. “Da pesca para o prato...um mar de sabores”, como lema do ano, quer mostrar que muitas outras iguarias marinhas saem das redes de pesca de Baía Formosa. “O evento cresceu e a gente decidiu inovar, explorando outros sabores do mar. Já que a pesca é uma atividade típica nossa, vamos servir mais que a albacora”, afirma ao FDS Aldemir Gomes, secretário de turismo local.

A estrutura do festival, com estandes e palco, está montada no mirante da cidade, que também oferece uma das vistas mais bonitas do local. Dez estabelecimentos da cidade e redondezas estarão a postos para servir os visitantes. Entre eles, Tigre do Porto Cevicheria, Sushi do Johnny, Fina Massa Pizzaria & Pastelaria, Flor do Caribe Pousada e Restaurante, Casa do Hambúrguer, Casa Velha, Bar Porto Galeão, e o tradicional restaurante a cachaçaria Omback, point da praia de Sagi, e referência gastronômica do município.

O evento também contará com rodadas de ‘cozinha show’ ministradas por diferentes chefs de cozinha. A partir das 18h, terão na sexta: “Mitos e Verdades na Alimentação”, pelos chefs Joseane Paixão e Thiago Gomes; às 19h, “Alimentação saudável do mar ao sertão”, com a chef Angelina Tavares; e às 20h, a chef Simone Grazy vai conduzir a mesa “Bendito seja o fruto do mar: fettucine del mare”.

Oficina: Feijoada de frutos do mar, uma releitura de Açores
Oficina: Feijoada de frutos do mar, uma releitura de Açores

No sábado, às 19h, o chef Márcio Cavalcante falará sobre “Do clássico à formosura da baía: polvo grelhado com tapenade e aioli de limão siciliano”; às 20h, o chef Thiago Gomes deverá deixar muita gente intrigada com a “Feijoada de frutos do mar, uma releitura dos Açores”. No domingo, às 10h, a última oficina será para a criançada: “Criança na cozinha por uma alimentação sustentável”, pela chef Carla Coutinho.

Os três dias de degustações serão complementados por uma trilha sonora ao vivo. Sempre a partir das 22h, shows com Isabel Queiroga e Gilvan Costa (sexta), Rodrigo Lacaz e Gerliane Souza (sábado), e domingo, abertura com Zé Maria, com seu álbum “Pescador”, produzido por Ney Matogrosso e lançado pela Som Livre, e o menestrel pernambucano Geraldo Azevedo, embalando a noite com clássicos como “Dia Branco” e “Dona da minha cabeça”.

Segundo Aldemir Gomes, as pousadas da cidade já estão  lotadas. O evento é muito esperado pelos moradores, e também por turistas paraibanos e pernambucanos, além dos natalenses. Ele diz que o festival cresceu aos poucos, e que no próximo já precisará de um espaço maior. “Já está marcado para dezembro deste ano”, adiantou o secretário. O projeto tem patrocínio do RN Cidadão do Governo do Estado, por meio do Banco Mundial.

Serviço:
9º Festival Gastronômico de Baía Formosa. De sexta a domingo. Litoral sul, a 100 km de Natal. Acesso gratuito.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários