Cookie Consent
Natal
Decreto torna as Dunas do Rosado, na Costa Branca, área de proteção ambiental
Publicado: 14:31:00 - 22/02/2018 Atualizado: 14:30:37 - 22/02/2018
As Dunas do Rosado, trecho que possui mais de 16 hectares de extensão entre os municípios de Porto do Mangue e Areia Branca a partir de agora é considerada uma Área de Proteção Ambiental (APA). O decreto foi assinado na manhã desta quinta-feira (22) pelo Governador Robinson Faria, num evento na sede do instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), em Natal.

Evaldo Gomes/Arquivo TN
Decreto estadual torna as Dunas do Rosado área de proteção ambiental

Decreto estadual torna as Dunas do Rosado área de proteção ambiental

Agora regulamentada como APA, Idema quer criar lei do plano de manejo para as Dunas do Rosado

O local possui abriga biomas da caatinga, campos dunares, tabuleiros costeiros e estuários. O processo de criação da APA levou 12 anos, após o Idema cumprir todos os procedimentos necessários para atender à legislação nacional. A regulamentação garante a preservação e o desenvolvimento sustentável da região.

"Essa é uma das áreas mais bonitas do Rio Grande do Norte e mostra que o governo está preocupado em desenvolver o turismo de forma sustentável e organizada. A região da Costa Branca tem um grande potencial turístico, que aliado ao aeroporto de Mossoró, que vamos inaugurar em breve, vai atrair cada vez mais turistas para conhecer as belezas naturais potiguares", destacou Robinson Faria.

Antes da regularização foi preciso que o Idema realizasse estudos técnicos ambientais e promovesse audiências com a comunidade para orientações antes da regulamentação. De acordo com o diretor do Idema, Rondinelle Oliveira, o próximo passo é a criação da lei do plano de manejo. “Vamos realizar outros estudos para subsidiar a criação deste documento para informar como o local será utilizado”, explicou Oliveira.

O prefeito de Porto do Mangue, Sael Melo, ressaltou que a ação representa um marco para o município, já que a área “passará a ter leis de proteção e terá a definição de como será utilizada e desenvolvida, além de preservar o meio ambiente e o ecossistema local”.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte