Cookie Consent
Natal
Defesa Civil reforça alerta para chuvas intensas no Estado
Publicado: 00:00:00 - 28/05/2022 Atualizado: 23:04:58 - 27/05/2022
O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) realizou, nesta quinta-feira (26), coletiva de imprensa da Defesa Civil Nacional sobre o alerta de chuvas intensas no litoral da região Nordeste do País e a previsão até o próximo fim de semana. Representantes do órgão destacaram as medidas de prevenção que devem ser tomadas pela população dos locais afetados. Nesta sexta-feira (27), o ministro Daniel Ferreira estará em Alagoas para prestar apoio às localidades atingidas pelas fortes chuvas.

Adriano Abreu
Alerta da Defesa Civil é válido até o próximo fim de semana

Alerta da Defesa Civil é válido até o próximo fim de semana


“As ações de preparação para a chuvas começaram ainda em abril, com reuniões preparatórias. Tentamos prever possíveis demandas e o risco que as regiões estariam sujeitas em junho e julho. O nosso objetivo foi preparar os órgãos dos estados e municípios, em articulação com a gente, para o risco ser diminuído. Para garantir que a informação chegue ao cidadão e ele esteja preparado”, destacou a secretária nacional de Proteção e Defesa Civil substituta, Karine Lopes.

Os estados da Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Alagoas são os mais afetados, com previsão de acumulado de chuvas entre 150 e 200 mililitros para alguns municípios. Neste momento, o Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad) opera em alerta máximo (vermelho) e já mobilizou e enviou duas equipes do Grupo de Apoio a Desastres (Gade) para a cidade de Maceió, em Alagoas.

O coordenador-geral de Gerenciamento de Desastres do Cenad, Tiago Molina Schnorr, destaca as medidas de prevenção que devem ser tomadas pela população das regiões castigadas pelas fortes chuvas com o objetivo de minimizar os danos.

“São recomendadas diversas ações para proteger a população. A primeira é ficar bastante atento para as informações publicadas pelos órgãos oficiais, principalmente os locais. Além disso, é preciso ter cuidado com as notícias que não são oficiais, que nem sempre estão corretas e podem trazer risco adicional”, destaca Schnorr.

Uma das principais recomendações é para que as pessoas se inscrevam nos serviços de alerta, enviando um SMS para o número 40199. Assim, em caso de uma situação de desastre, será enviado um alerta on-line. Outra sugestão é ficar sempre atento ao Twitter da Defesa Civil Nacional (@defesacivilbr) e do Instituto Nacional de Meteorologia (@inmet_), que publicarão atualizações em tempo real.

O coordenador-geral do Cenad também explicou o que deve ser feito nos locais com risco de deslizamento. “É importante que a população fique atenta a qualquer sinal de movimentação do terreno, rachaduras, árvores e postes inclinados. Se houver risco iminente, a residência deve ser desocupada imediatamente”, alertou Tiago Schnorr. “Também é importante a atenção a qualquer sinal de elevação de rios, alagamentos e enxurradas nas ruas e à subida das águas, para não serem pegos desprevenidos. Além disso, deve-se desligar aparelhos de energia da tomada, a chave-geral, encanamento de gás e de água”, acrescenta.

Durante a entrevista, a secretária Karine Lopes reforçou a necessidade de que os municípios atingidos estejam cadastrados no Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD). Na ferramenta, é possível elaborar Planos de Contingência; registrar desastres ocorridos no município/estado; solicitar o reconhecimento federal de situação de emergência ou de estado de calamidade pública; solicitar recursos federais a partir da elaboração de formulários on-line; consultar e acompanhar as solicitações de reconhecimento e de repasses para ações de resposta e de recuperação, e buscar informações sobre recorrências de desastres com base em dados oficiais.

Ainda na tarde desta quinta-feira, haverá uma reunião com todos os órgãos integrantes do Sistema Nacional de Defesa e Proteção Civil (Sinpdec) para que todas as ações estejam alinhadas.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte