Defesa Civil vai interditar parte do Itaquerão

Publicação: 2013-11-27 17:17:00 | Comentários: 0
A+ A-
O coordenador da Defesa Civil de São Paulo, Jair Paca de Lima, informou na tarde desta quarta-feira (27) a interdição de 30% da área leste da Arena Corinthians, o Itaquerão, após a queda de um guindaste sobre parte do estádio e que resultou na morte de dois funcionários. De acordo com Lima, "30% da área leste dessa obra será interditada por motivos de segurança. O engenheiro da subprefeitura é quem vai determinar posteriormente a área exata".
Bruno Andrade/Lance!NetAmbulâncias e carros do Corpo de Bombeiros na obra da Arena Corinthians. Acidente teve pelo menos duas vítimas fataisAmbulâncias e carros do Corpo de Bombeiros na obra da Arena Corinthians. Acidente teve pelo menos duas vítimas fatais

O órgão diz também que os serviços nas demais áreas do estádio podem ser retomadas amanhã (28). A Odebrecht, responsável pela obra, disse em entrevista coletiva na tarde de hoje que não houve danos estruturais. "A estrutura não sofreu comprometimento. Foi uma peça metálica da cobertura, não teve comprometimento. Houve danos em uma parte do prédio, mas nada que atrapalhe a estabilidade", disse o gerente operacional da construtora, Frederico Barbosa.

O Sindicato dos Trabalhadores de Indústria da Construção Pesada acionou o Ministério do Trabalho e Emprego, que por sua vez acionará a Justiça Trabalhista, pedindo o embargo da obra até que se conclua a perícia policial, com previsão de durar 30 dias.

O acidente que matou Fábio Luis Pereira, de 42 anos, e Ronaldo Oliveira dos Santos, 44 anos, aconteceu a um mês do prazo dado pela Fifa para conclusão do estádio que sediará o jogo de abertura da Copa do Mundo de 2014.

Por volta das 12h, a maioria dos 1.600 funcionários da obra estavam em horário de almoço e praticamente os envolvidos na colocação da última parte da cobertura do estádio, na área leste do Itaquerão, estavam próximos ao local do acidente.
Bruno Andrade/Lance!NetGuindaste caiu sobre painel de led da Arena Corinthians e matou dois funcionários da obraGuindaste caiu sobre painel de led da Arena Corinthians e matou dois funcionários da obra

O Corinthians, clube que administrará a arena, emitiu nota de pesar pela morte dos funcionários e decretou luto oficial de sete dias. A Fifa e o Comitê Organizador Local também emitiram nota lamentando o ocorrido. A nota da Fifa dizia ainda que "a segurança dos trabalhadores é a maior prioridade para a Fifa, para o Comitê Organizador Local e para o governo federal".

Mortes em estádios da Copa
Com as duas vítimas do acidente de hoje no Itaquerão, já são quatro operários mortos em obras de construção ou de reforma dos 12 estádios da Copa do Mundo de 2014. O primeiro foi no Estádio Nacional de Brasília, em junho do ano passado, quando um operário de 21 anos despencou de uma estrutura de 30 metros de altura. O segundo acidente na Arena da Amazônia, em Manaus, em março deste ano, ocorreu quando um trabalhador caiu de um andaime de cinco metros.

No início deste mês, o ministro do Trabalho Manoel Dias, garantiu que os estádios "foram erguidos com pressa, mas são bem feitos" e que as empreiteiras "estão respeitando os direitos do trabalhador".

continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários