Democratas devem propor alteração de salário mínimo no pacote de Biden

Publicação: 2021-03-01 06:52:00
Senadores democratas devem apresentar ainda nesta semana uma proposta de alteração da cláusula de aumento do salário mínimo federal no pacote fiscal de US$ 1,9 trilhão proposto pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e aprovado pela Câmara dos Deputados na última sexta-feira, 27. A mudança deve ser necessária para que o partido consiga aprovar o pacote sem apoio dos republicanos, que controlam metade do Senado.

Créditos: JONATHAN ERNST/ASSOCIATED PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Segundo uma fonte familiarizada com o assunto, os senadores democratas avaliam propor como alternativa a imposição de multas a empresas com pelo menos US$ 2,5 bilhões em receitas brutas que não paguem aos seus trabalhadores um mínimo de US$ 15 por hora. Eles ainda estudam a criação de incentivos tributários para que pequenas empresas paguem esse mínimo aos seus funcionários.

O pacote aprovado na Câmara prevê o aumento do salário mínimo dos atuais US$ 7,25 por hora para US$ 15,0 por hora. Mas, segundo um consultor do Senado, essa cláusula não se adequa às regras que os democratas precisam seguir para aprovar o pacote por maioria simples, sem apoio dos republicanos.

Os dois partidos dividem o Senado, com 50 cadeiras cada. A vice-presidente Kamala Harris define o resultado da votação em casos de empate.

Estadão Conteúdo


Leia também: