Depois do Lava Jato, a calma de Boston

Publicação: 2019-09-15 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Cassiano Arruda

Esta semana, em Boston, no restaurante do The Charles Hotel, point da turma de Havard, uma mesa onde se falava português não chegou a chamar atenção, embora uma conversa animada tenha rolado. Dela participavam, entre outros,  o ministro Luiz Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, e o procurador Rodrigo Teles, um dos homens de confiança do Chefe da PGR, Rodrigo Janot, e chefe da força tarefa da Operação Lava Jato no RN, que foi contemplado com um curso de pós graduação na Universidade de Havard.
.
Eleição na Academia vai ser dia primeiro
A eleição para a cadeira 34, da Academia Norte-rio-grandense de Letras, vaga com a morte do escritor Lenine Pinto, foi marcada para dia 1º de Outubro. Três candidatos estão inscritos no pleito: O juiz federal Ivan Lira, o teatrólogo Racine Santos e a escritora Naide Gouveia, que tem se candidatado em todas as eleições.

Sucessão na PGR já está tranquila
O mandato de Raque Dodge como Procurado Geral da República termina terça-feira e o líder do Governo, Fernando Bezerra Coelho, acredita que a sabatina de Augusto Aras vai acontecer dia 25. Para Coelho o indicado de Bolsonaro contabiliza 55 votos, mas que os 41 necessários.

BURRO ELÉTRICO TÁ FORA DO CARNATAL DESTE ANO
O Carnatal deste ano não contará com o "Burro Elétrico" que, durante 27 anos abriu a maior micareta do Brasil.

O Burro Elétrico é um bloco formado por jornalistas, publicitários e intelectuais, que atraiu muitas personalidades para o seu desfile, sem contar com os grandes nomes do carnaval baiano, se manteve abrindo uma janela para os talentos locais na maior festa popular da cidade.

Explicação para a ausência do "Burro" da Avenida: Fadiga de Material. Seus diretores cansaram dos mesmos problemas que se repetiam ao longo desse tempo, custo alto e os pequenos grandes problemas de todo ano.

Neli Carlos e o irmão, Carlos Maia, ao lado de Karla Barbalho, Ana Costa, e Carlos Magno Campelo acharam que é  preciso dar um tempo. Eles contaram ao longo dessa trajetória com o apoio de Flávio Resende e Eliana Lima.

Natal vai ouvir  voz da Pastora
Depois de dois anos em Santa Catarina, acompanhando os filhos, a ex-prefeita Micarla de Souza decidiu retornar a sua cidade para  Natal e iniciar vida nova. Ela se acha totalmente renovada para começar de novo. Embora ainda não esteja totalmente definida, sua volta passa pelo retorno ao Jornalismo e atuação como Missionária ou Pastora.

E política?

-Tô fora!

Contra ataque pretende mostrar Gleen corrupto
Responsável por deixar os "heróis" do Lava Jato de calças curtas, o jornalista Gleen Greeenwald, do site Intercept Brasil,  pode ter numa armadilha feita para desacredita-lo, mostrando que ele comprou o mandato do deputado Jean Wilis (PSOL-RJ) para seu "marido" David Miranda (PSOL-Rj). A investigação do COAF tem o objetivo de dar substância a dedução do Ministério Público do RJ, que está sendo abraçada pelo norte-rio-grandense José Medeiros, deputado federal pelo Mato Grosso pelo PODE.

Governadores vão discutir  desvinculações de salários
O encontro de Governadores do Nordeste, que se realiza, nesta segunda-feira, em Natal, pode ter um assunto explosivo: a desvinculação dos salários estaduais.

Praticamente todo o pessoal do andar de cima tem seus salários vinculados aos salários dos servidores da união. Magistratura, Ministério Público, Professores, Polícia tem seu salários atrelados aos salários do funcionalismo federal.

Pela força do corporativismo essa pode ser uma missão impossível para os governadores que não dispõe de força política para mexer nessa vespeiro.

Supermercado em Natal tem hoje dia importante
Neste domingo completa 47 anos do início de atividade da mais antiga rede de supermercados de Natal com a inauguração da loja do Supermercado Nordestão, na rua Presidente Bandeira, no Alecrim (foto).

Hoje, são 11 lojas, na região metropolitana de Natal, sendo duas do tipo "atacarejo".

Trata-se de um grupo norte-rio-greandese que mantém a liderança de mercado, mesmo tendo como concorrentes, os três maiores grupos mundiais do segmento.

2020 será o ano da grande virada
Já tem gente apostando que 2020 poderá ser marcado como o ano da grande virada em Mossoró, uma vez que as empresas que estão chegando poderão focar exclusivamente nessas áreas de chamados campos maduros, que não tem escala para merecer a atenção das grandes companhias. Terça-feira o Leilão da ANP foram vendidos mais 33 blocos, 19 deles na região Oeste Potiguar. Para empresários do setor é a retomada da produção em terra.

Segundo a ANP, entre 2013 e 2018 a produção de petróleo em águas rasas diminuiu 40%, enquanto a produção em terra, recuou 36%, reduzida a 115 mil barris diários, menos que um só poço do pré sal. Nesse período o número de perfuração de poços em água rasas caiu 90%, enquanto o recuou em terra foi de 73% entre 2015 e 2017.

Apple lança novos modelos de iPhone
Este semana houve o lançamento dos novos modelos da Apple nos Estados Unidos. Três modelos de i-Phone: O iPhone 11, o 1Phone 11 Pro e o o iPhone Pro Max. Eles custarão US$ 700, US$ 1.000 e US$ 1.100. Na coleção do ano passado o iPhone mais barato custava US$ 750.

Nos Estados Unidos, as vendas começaram nessa sexta-feira e no Brasil, se espera que comecem em novembro.

STTU ESTÁ CERTA E TODOS ERRADOS
No debate em torno dos novos semáforos da avenida Salgado Filha fica claro o ponto de vista da Prefeitura: A STTU tá certa. Toda a população de Natal está errada.

Atraso centenário e abobrinhas do RN

Essa história do atraso de pagamento é centenária e chegou ao Senador Federal num aparte ao senador Chico Gordo, que tentava mostrar o esforço fito para pagar aos servidores quando um colega de um grande Estado o interrompeu:

- É verdade que o Estado de V. Exa. está pagando o salário dos servidores com jerimuns?

-"Pagamos com jerimum, com melancia, com tomates, com quiabos. com maxixes. Pagamos de qualquer forma… Nós temos muita vergonha é de ficar devendo…

Se o atraso é verdadeiro e a vergonha é discutível, houve uma outra forma de confissão de dívida: Na verdade os salários sempre atrasavam sim, mas a moeda era outra. Pelo Decreto nº 33, de 28 de agosto de 1894, era facultado ao funcionário público receber em apólices estaduais, "ao juro de 5% ao ano, os vencimentos a que tiverem direito".

Selfie com a  valente da madrugada - Nas manhãs da TV Tropical, de chicote em punho, ela esbraveja contra os mal feitores e os mal feitos desta cidade. Elizabeth Biglione é braba só na hora da apresentação do "Balanço Geral". Ainda bem.




continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários