Desembargador manda prender traficante solto após ser flagrado com 8kg de cocaína

Publicação: 2017-06-19 09:18:00 | Comentários: 0
A+ A-
A Justiça do Rio Grande do Norte determinou a prisão preventiva de um traficante de drogas que havia sido detido com 8kg de cocaína, no sábado (17), mas liberado durante audiência de custódia. A decisão foi o desembargador Cláudio Santos, ainda no domingo (18).
Presidente do TJ/RN, desembargador Cláudio Santos, deverá recorrer da decisão do CNJ junto ao Supremo Tribunal Federal
Desembargador Cláudio Santos determinou a prisão do traficante

Após denúncias de que uma quadrilha de São Paulo estava utilizando caminhões "cegonha" para o transporte de drogas, a Polícia Federal, utilizando um cão farejador da Polícia Militar, foi até a transportadora e constatou que um dos veículos estava com drogas. Então, aguardou a confirmação sobre quem receberia o veículo e realizou a prisão do traficante de 32 anos, em Ponta Negra, na zona Sul de Natal. Além dos 8kg de cocaína, também foi apreendida uma pistola calibre 380.

Levado para a audiência de custódia, ficou comprovado que Elito Francisco não possuía antecedentes criminais. No entendimento do juiz Jessé Andrade Alexandria, a liberdade do traficante "não implica em risco para a ordem pública, para a investigação ou instrução criminal ou para a futura aplicação da lei penal". Por isso, o magistrado determinou a liberdade provisória sem a necessidade do pagamento de fiança ao traficante.

Contudo, provocado pelo Ministério Público, o desembargador Cláudio Santos reverteu a decisão e determinou a prisão imediata do traficante, que foi cumprida pela Polícia Federal.

"Eu entendi que uma pessoa com uma quantidade de drogas que o homem estava deve ser esclarecido de onde veio e para onde vai. Ele tem que ficar preso preventivamente para que se investigue e que ele não comercialize mais drogas, a efetividade da justiça ficou comprometida", explicou o desembargador.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários