Dez hospitais do RN estão com 100% de ocupação em leitos críticos para Covid

Publicação: 2021-02-22 07:15:00
O panorama da rede assistencial no RN para pacientes com Covid-19 segue em alerta. Os dados mais atualizados mostram que 10 hospitais públicos ou privados contratualizados estão com 100% de seus leitos intensivos ou semi-intensivos ocupados. O quadro mantém a ocupação de leitos no Estado em 84,8%, com a região metropolitana indo além, acima dos 90% de ocupação.

Créditos: Elisa Elsie

Os números foram retirados na manhã desta segunda-feira (22) do portal Regula RN, que informa em tempo real a atual situação da ocupação de leitos no Estado. De acordo com a plataforma, os dez hospitais sem a disponibilidade de leitos críticos no momento são o Hospital Municipal de Campanha, Hospital Giselda Trigueiro (Natal); Hospital Manoel Lucas de Miranda (Guamaré); Hospital Maternidade Divino Amor (Parnamirim); Hospital Municipal Aloísio Bezerra (Santa Cruz); Hospital Regional Alfredo Mesquita (Macaíba); Hospital Regional de João Câmara; Hospital Lindolfo Gomes Vidal (Santo Antônio); e Hospital Regional Tarcísio Maia (Mossoró).

A situação de alerta permanece mesmo após o anúncio de abertura de 39 leitos críticos por parte do Governo do Estado. Desses, 19 já estão em operação (9 no Hospital Universitário Onofre Lopes e 10 no Hospital Municipal de Campanha de Natal) e os outros 20 devem ser abertos nessa semana (10 no Giselda, 5 em São Gonçalo e 5 em Macaíba). No momento, o RN conta com 271 leitos de UTI ou UCI em operação.

Ainda de acordo com a plataforma Regula RN, a Região Metropolitana está com 90,5% de ocupação de leitos intensivos e semi-intensivos para a Covid, pior panorama de todo o Estado. A região Oeste também está acima do limiar de 80% estabelecido pela Sesap, com 80,6%, e o Seridó está com 68,6%.

Leia também: