Diplomata dos EUA diz que ouviu ligação de Trump sobre 'investigações' na Ucrânia

Publicação: 2019-11-15 23:10:00 | Comentários: 0
A+ A-
O funcionário do Departamento de Estado americano David Holmes disse nesta sexta-feira que ouviu uma conversa entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o embaixador americano na União Europeia, Gordon Sondland, sobre "investigações" na Ucrânia. As declarações foram dadas em uma audiência do inquérito de impeachment contra Trump.

De acordo com o deputado democrata Ted Lieu, da Califórnia, Holmes disse que ouviu a chamada enquanto almoçava com Sondland, em julho, na cidade de Kiev. Lieu afirmou que outras duas pessoas também ouviram a ligação.

"Ele tem conhecimento em primeira mão da conversa entre o embaixador Sondland e o presidente dos Estados Unidos", disse Lieu. "Ele ouviu a conversa."

William Taylor, atual chefe da Embaixada dos EUA na Ucrânia, já havia afirmado na quarta-feira que um membro da equipe - mais tarde identificado como Holmes - teria ouvido a conversa em um restaurante em Kiev.

Segundo Taylor, Holmes afirmou que durante a ligação o embaixador disse a Trump que os ucranianos estavam prontos para seguir em frente.

A conversa com Sondland ocorreu no dia seguinte ao telefonema de Trump com o mandatário ucraniano Volodymyr Zelenski, em 25 de julho, em que o presidente dos EUA teria pressionado seu colega a investigar o filho de Joe Biden, pré-candidato do Partido Democrata à Presidência.

Nesta semana, os democratas começaram a realizar audiências públicas do inquérito de impeachment contra o presidente Donald Trump.

Estadão Conteúdo



continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários