Do mar de Gostoso para a mesa

Publicação: 2019-10-18 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Direto do mar para a prateleira e em seguida para a mesa. Parece o roteiro de um dia comum na feira, mas no restaurante Sampei é um processo que o cliente pode saborear na hora. A novíssima casa aberta semana passada em São Miguel do Gostoso propõe ao cliente a experiência de degustar frutos do mar frescos, sob os cuidados de um chef – no caso, o italiano Lorenzo Mancini, proprietário e autor da ideia.

Pratos são preparados com iguarias frescas, disponíveis no expositor refrigerado
Pratos são preparados com iguarias frescas, disponíveis no expositor refrigerado

A ideia é que o cliente saboreie uma iguaria “fresh from the sea”, algo natural no privilegiado litoral de Gostoso. “A gente vive na praia e tem o privilégio de ter todo esse material fresco à disposição. Eu tinha que aproveitar isso e oferecer algo diferente à rota gastronômica da cidade”, diz Lorenzo em entrevista à TRIBUNA DO NORTE, que já tinha o Bistrô 70m2 – um lugar badalado, mas totalmente diferente do Sampei.

No Sampei os peixes e demais frutos do mar ficam à disposição num expositor refrigerado, no qual o cliente pode escolher o que deseja comer, quantos gramas, e até dar sugestões ao chef. É um serviço similar a vários existentes na Europa, ressalta Lorenzo. Um conceito simples e eficiente. Há também um aquário no salão para que a clientela possa escolher ostras.

Os peixes variam conforme a oferta. O restaurante usa ao máximo o material disposto em Gostoso. São vários tipos de peixe, além de camarões, lagostas, ostras, vôngoles, polvos, etc. O carro-chefe é o peixe, que é feito na brasa e pode servir até três pessoas. Lorenzo ressalta que os acompanhamentos também fazem a diferença, como batatas gratinadas, berinjelas na brasa, brócolis com alho, entre outras combinações. Ao todo são oito acompanhamentos.

Sampei tem visual mais despojado, com inspiração mediterrânea em azul e branco
Sampei tem visual mais despojado, com inspiração mediterrânea em azul e branco

Borbulhas harmonizadas
Outra proposta diferenciada do Sampei está na bebida: os espumantes imperam na carta. Lorenzo acredita que os restaurantes potiguares em geral ainda não despertaram para o potencial gastronômico da bebida. “As pessoas ainda pensam no espumante como bebida pra brindar no fim do ano. Quero mostrar que ela também é ótima para harmonizar com um bom prato de frutos do mar. Um papel que não cabe só ao vinho branco. O espumante também é muito versátil e tão bom pra isso quanto o vinho comum”, atesta.

Chef Lorenzo quer que o cliente saboreie uma iguaria da região, de forma mais natural: fresh from the sea
Chef Lorenzo quer que o cliente saboreie uma iguaria da região, de forma mais natural: “fresh from the sea”

O novo restaurante do italiano Lorenzo é bem mais espaçoso que o bistrô (pelo menos o dobro do tamanho), e tem um visual mais descontraído, despojada, e de inspiração mediterrânea, com muito branco e azul para ornar com a decoração marítima. “Não tem nada em comum com o 70m2 – só o cozinheiro, claro”, brinca ele, que já vive na praia potiguar há quatro anos.

Serviço:
Sampei Restaurante. Rua Cavalo Marinho, rua central de São Miguel do Gostoso (antigo Dom Bacalhau). Aberto de segunda a sábado, das 18 às 23h.








continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários