Editora local lança “A Nuvem Púrpura” do autor inglês M.P. Shiel

Publicação: 2020-09-26 00:00:00
A editora potiguar CJA Edições está trazendo uma importante aquisição para as estantes dos apreciadores de clássicos da literatura fantástica: “A Nuvem Púrpura”, do escritor britânico M.P. Shiel, que permanecia inédito no Brasil, ganhou sua primeira e bem cuidada edição nacional. O livro foi publicado originalmente em 1901, e é considerado um clássico da ficção científica. A obra tem fãs do quilate de H.P. Lovecraft, H.G. Wells, Jorge Luis Borges e Stephen King.  

Créditos: ReproduçãoO livro foi publicado originalmente no ano de 1901O livro foi publicado originalmente no ano de 1901
       
O romance é um dos primeiros da literatura clássica a imaginar um futuro distópico, tema recorrente na ficção especulativa contemporânea. A trama apresenta um homem radicalmente solitário, Adam Jeffson, único sobrevivente de um desastre cataclísmico inteiramente relacionado com as intervenções humanas na natureza – mais atual, impossível.

A catástrofe provoca reflexões filosóficas e teológicas em um crescente misto de curiosidade e expectativa à medida que o leitor explora o novo e desolado mundo junto com o protagonista. “A Nuvem Púrpura” é uma espécie de reconto da mitologia cristã, no qual um anti-herói, diferentemente do Adão dos evangelhos, não é expulso do paraíso. Pelo contrário, ele o ganha todo para si, o que poderá ser o pior dos castigos para um transgressor das leis divinas.

O romance foi traduzido por Alcebíades Diniz, professor, tradutor, pesquisador, escritor e especialista em narrativas, criação de histórias e registro de universos fantásticos no papel. Realizou traduções para as editoras Sol Negro, Carambaia, Sebo Clepsidra, Diário Macabro e Perspectiva. Ele classifica “A Nuvem” como um livro vibrante e original. “É uma obra de ficção que nos faz pensar realmente a respeito das possibilidades apocalípticas da humanidade que estão sendo seguidas velozmente na contemporaneidade", disse.

A arte da capa foi assinada pelo designer, arquiteto e escritor macauense Jadson S. Pereira, e editada por Cleudivan Jânio, pedagogo e pós-graduando em Book Publishing pela LabPub. A editora CJA foi criada em 2012, e já colocou no mercado editorial mais de 200 obras.
 
Através do seu primeiro financiamento coletivo, a CJA pretende recompensar os apoiadores do projeto com variados mimos: além de marcadores de páginas, postais, pôsteres e e-books, terá algo inédito para os amantes da literatura: livros personalizados com uma frase ao gosto dos apoiadores e ainda livros em série limitada numerados um a um.

O autor
Matthew Phipps Shiel (1865-1947) foi um prolífico escritor britânico, considerado um dos expoentes da literatura fantástica. Nascido na ilha de Montserrat, nas Índias Ocidentais, mudou-se para a Inglaterra em 1885, onde trabalhou como professor e tradutor antes de escrever histórias. Entre suas influências estavam Edgar Allan Poe, HG Wells e Jack London. “A Nuvem Púrpura” foi escrito como um livreto em 1901 e publicada em seis etapas pela The Royal Magazine, em Londres, chamando a atenção do mundo literário inglês. Atualmente, recebe elogios de muitos escritores contemporâneos do mundo inteiro.

Serviço:
A Núvem Púrpura, de M.P. Shiel. Vendas e mais informações no site









Leia também: