Educação profissional

Publicação: 2019-08-24 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Tadeu Oliveira
tadeuoliveira@tribunadonorte.com.br

Levantamento do Senai, divulgado recentemente, projeta que o país terá de qualificar 10,5 milhões de trabalhadores em ocupações industriais de níveis superior, técnico, qualificação profissional e aperfeiçoamento até 2023. As vagas na indústria e também em outros setores vão demandar formação de profissionais nas áreas transversais (1,7 milhão), metalmecânica (1,6 milhão), construção (1,3 milhão), logística e transporte (1,2 milhão), alimentos (754 mil), informática (528 mil), eletroeletrônica (405 mil) e energia e telecomunicações (359 mil). Os profissionais com qualificação transversal são aqueles que trabalham em qualquer segmento, como profissionais de pesquisa e desenvolvimento, técnicos de controle da produção e desenhistas industriais. Os dados são da pesquisa Mapa do Trabalho Industrial 2019-2023.

Alienação parental
É tempo do ambiente escolar também tratar de um tema da maior importância: a alienação parental. A provocação partiu da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, que se debruçou sobre o assunto em audiência pública e realizada na sexta-feira passada (16) e ainda desenvolve uma bela publicidade na mídia potiguar sobre o tema. Representantes de escolas públicas foram convidados para o evento da ALRN, para que os educadores estejam atentos quando ela acontece e possam proceder os encaminhamentos precisos. De acordo com o anúncio, “os filhos são as maiores vítimas da alienação”, com certeza. Assunto para ser trabalhado com o ensino médio, mas cabe muito bem nas aulas de Educação Religiosa, no ensino fundamenta. Vale muito.

Aplicativo
De acordo com o gerente de TI do NatalCard, Caio Ribeiro, o app Meu NatalCard veio para trazer comodidade e praticidade para os estudantes na aquisição dos serviços NatalCard. “A princípio, o sistema entra em operação atendendo às necessidades do público estudantil, tais como a consulta de saldo; fazer recargas por meio do app e solicitar a carteira de estudante, recebendo-a em sua casa, sem precisar se deslocar.”, afirmou. 

Papa medalhas
O IFRN foi o grande vencedor da 11ª Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), cuja final aconteceu neste fim de semana (17 e 18 de agosto), na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). A Instituição conquistou 19 medalhas, sendo 4 ouros, 6 pratas e 9 bronzes, de um total de 20 premiações angariadas pelo Rio Grande do Norte, que também foi o estado com mais premiações no certame.

Pesquisa
Pesquisa desenvolvida na UFRN descreve como áreas superficiais e profundas do cérebro são ativadas e desativadas quando a pessoa realiza exercício em baixa e alta intensidade. Além das responsáveis pelo controle motor, foram identificadas regiões profundas que integram a regulação homeostática e afetiva do organismo. O estudo mostra ainda como áreas de controle cognitivo são desativadas quando a intensidade da atividade aumenta.

Feras
Alunos do RN foram premiados com medalhas de bronze na World TIME – Talent Invitational Mathamatics Examination 2019, uma das maiores olimpíadas de matemática do mundo que aconteceu em Chiang Mai, na Tailândia. A equipe, formada por José Eduardo de Souza, Carlos Daniel de Freitas, e Marcos Sérgio de Sales Silva, alunos da Escola Estadual Otto de Brito Guerra (Ceará-Mirim) representou o Brasil, categoria “ensino médio”, levando o bronze e ficando somente atrás das equipes da China, Tailândia e Filipinas.

Revista educativa
A Genom, unidade de negócios de prescrição médica da União Química Farmacêutica, lança, em parceria com a Mauricio de Sousa Produções, uma revista especial da Turma da Mônica sobre epilepsia. Com o título “O Que Está Acontecendo”, a revista conta a história do personagem Haroldo, portador de epilepsia. O objetivo é a desestigmatização da doença e também dar dicas de como proceder quando estiver diante de uma pessoa em crise convulsiva.

Encceja
As provas Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos serão aplicadas neste domingo (25) em 611 municípios. A avaliação é destinada a que não concluíram o ensino fundamental ou médio em idade adequada. Com os resultados da prova é possível adquirir essa certificação.




continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários