Em ato contra racismo, manifestantes fecham a BR-101

Publicação: 2020-11-21 17:45:00
Em ato contra a morte de João Alberto da Silva, homem negro assassinado em Porto Alegre, manifestantes estão fechando a BR-101 na altura do Carrefour, sentido Ponta Negra. Pelo menos 100 pessoas participam do protesto. 

Créditos: Mariana Ceci



A manifestação organizada pela internet foi marcada para às 16h e começou pontualmente, no estacionamento do Carrefour. Lá, com pedidos de justiça pelo assassinato,  é possível ver em cartolinas o nome de outras pessoas negras que foram assassinadas este ano no Brasil, como a da criança de oito anos Ágatha Félix, morta no Rio de Janeiro após ser atingida por uma bala perdida. 

O crime aconteceu na noite de quinta-feira, véspera do dia da Consciência Negra. Beto, como era conhecido, foi espancado por dois homens, um segurança do local e um Policial Militar temporário, os dois agressores foram presos em flagrante. O corpo de Carlos Alberto foi enterrado na manhã de hoje, na zona norte de Porto Alegre.

Veja vídeo:

Leia também: